UBS aponta 5 razões para comprar Petrobras mesmo com troca de CEO

Na visão de analistas do banco suíço, há razões operacionais e de governança, além do próprio preço da ação, que justificam comprar os papeis preferenciais

Na contramão da avaliação predominante do mercado de que os riscos envolvendo as ações da Petrobras (PETR3, PETR4) não compensam os preços mais baixos, analistas do banco suíço UBS reiteraram a recomendação de compra dos papeis preferenciais (PETR4) em relatório distribuído a clientes.

No relatório, os analistas do UBS apontam 5 razões pelas quais entendem que a ação é uma boa compra:

  1. Os preços de importação da companhia estão muito próximos da paridade internacional;
  2. A empresa deve entregar um fluxo de caixa livre de rendimentos de 35% em 2021;
  3. É negociada a 3,5 vezes o múltiplo EV/Ebitda (que mede o valor econômico da empresa sobre a geração de caixa operacional);
  4. É uma exportadora líquida de petróleo (ou seja, mais exporta do que importa);
  5. A empresa está mais protegida do ponto de vista de governança do que anteriormente.

"As assimetrias neste momento nos parecem com viés para o upside (das ações)", resumem os analistas, que colocam um preço-alvo para PETR4 de 31 reais em 12 meses. Na segunda, o papel fechou negociado a 21,45 reais, o que implicava um potencial de alta de 44,5%.

Com a alta próxima a 10% no pregão nesta terça, 23, a cotação passou para perto de 23,60 reais, com um upside ainda elevado de 31%.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 9,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.
Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.