Invest

Pechincha? CFO diz por que a Locaweb está recomprando ações

Ações da empresa de softwares amargam perdas de mais de 50% no semestre; no ano, queda acumulada supera 30%

Rafael Chamas: CFO da Locaweb | Foto: Germano Lüders/ Divulgação (Germano Lüders/Divulgação)

Rafael Chamas: CFO da Locaweb | Foto: Germano Lüders/ Divulgação (Germano Lüders/Divulgação)

GG

Guilherme Guilherme

Publicado em 27 de dezembro de 2021 às 17h20.

Última atualização em 27 de dezembro de 2021 às 18h02.

Com desempenho bem diferente dos quase 300% de alta registrados em 2020, as ações das Locaweb (LWSA3) caminham para encerrar seu segundo ano de B3 com perdas de mais de 30%. Somente neste semestre, o preço dos papéis caiu para menos da metade. Mas, para a empresa, a desvalorização representa uma oportunidade. Em entrevista à EXAME Invest, Rafael Chamas, CFO da Locaweb, explicou o que levou a empresa e sua alta cúpula a recomprar 5,5 milhões de ações.

"O motivo é muito simples. Acreditamos demais no potencial de valorização da companhia e dos resultados que estamos entregando", afirma Rafael Chamas. "O preço era oportuno para que fizéssemos um movimento de aquisição [dos papéis]."

Realizada ainda em novembro, a recompra foi feita não só pela tesouraria da empresa, que comprou 2 milhões de ações, mas também por acionistas controladores (que compraram 3,268 milhões de ações), pelo conselho de administração (58.400 ações) e pela diretoria executiva (128.000 ações).

Segundo o CFO, o preço justo da Locaweb "claramente não é o que está sendo negociado". "Está todo mundo acreditando e comprando a ação da empresa, por isso da aquisição tão dispersa entre conselho, diretoria e bloco controlador. Queremos deixar claro o comprometimento e a visão de longo prazo de todo esse grupo."

Ainda que não tenha sido divulgado o valor gasto com o programa, as compras movimentaram pelo menos 75 milhões de reais, considerando as cotações mínimas do mês anterior. Chamas, porém, ressalta que os gastos não comprometem as estratégias de expansão. "Em setembro, estávamos com 1,9 bilhão de reais em caixa. Tirando os compromissos futuros com earnout, estou falando em 1,2 bilhão de reais. Então, é um movimento que não tira qualquer capacidade de continuar investindo em aquisição de companhias e crescimento."

Já imaginou ter acesso a todo o material gratuito da EXAME para investimentos, educação e desenvolvimento pessoal? Agora você pode: confira nossa página de conteúdos gratuitos para baixar.

Acompanhe tudo sobre:Açõesbolsas-de-valoresLocaweb

Mais de Invest

Ibovespa opera em alta com ajuda de Petrobras (PETR4)

Descubra 4 crimes financeiros que você provavelmente não conhecia

Amortização: o que é, tipos e como funciona?

Balanço do Santander, PMI dos EUA e da zona do euro, Tesla e Campos Neto: o que move o mercado

Mais na Exame