Invest

Fundo que rendeu 600% na década ganha versão para previdência

AZ Quest irá replicar em fundo para aposentadoria a estratégia de small e mid caps que superou o Ibovespa em nove dos últimos doze anos

Novo fundo de previdência da AZ Quest investe em small e mid caps de olho em patrimônio para o futuro | Foto: GettyImages (Thithawat_s/Getty Images)

Novo fundo de previdência da AZ Quest investe em small e mid caps de olho em patrimônio para o futuro | Foto: GettyImages (Thithawat_s/Getty Images)

GG

Guilherme Guilherme

Publicado em 25 de janeiro de 2022 às 06h30.

Última atualização em 25 de janeiro de 2022 às 07h36.

A AZ Quest, gestora com mais de 18 bilhões em ativos sob gestão, prepara-se para lançar a versão previdenciária de um dos produtos mais rentáveis da casa: o Small Mid Caps

O fundo, que tem patrimônio de 1,4 bilhão de reais e nasceu no fim de 2009, alcançou 600% de retorno na última década. Seu desempenho superou o Ibovespa em nove dos últimos doze anos. 

Walter Maciel Neto, CEO da AZ Quest, contou em entrevista à EXAME Invest que, embora seja aberto ao público em geral, mais de 50% do patrimônio do fundo é de regimes de previdência, como RPPS e fundos de pensões. “O investidor institucional gosta muito devido à consistência e ao benchmark mais difícil de bater que o Ibovespa”, afirmou. 

A referência para o cálculo de sua taxa de performance é o Índice Small Caps, que superou a rentabilidade do fundo em quatro anos, contra três do principal índice da B3.

Welliam Wang, head de renda variável da gestora, explicou que sua única restrição na alocação, em razão de ele ser voltado a empresas de menor capitalização, é não investir nas dez maiores empresas do IBrX-50. Mas, por preferência da gestão, o fundo investe apenas em companhias com, pelo menos, 1 bilhão de reais de valor de mercado. 

“Não gostamos de micro caps, pois a relação risco/retorno é desfavorável aos cotistas. Em um cenário de estresse, essas ações não têm liquidez e podem gerar problemas para honrar os resgates”, disse. "Gostamos mais das mid caps."

Aprenda quais são os tipos de investimentos e como montar a sua própria carteira neste curso completo e acessível da EXAME.

A mesma fórmula

O CEO da AZ Quest contou que o fundo, desde o seu início, teve estrutura desenhada para investidores institucionais. Por essa razão, a carteira do novo fundo de previdência será idêntica à do Small Mid Caps. 

“É diferente de quando tem um produto multimercado macro e quer transformar para previdência privada, categoria que tem mais restrições à alocação no exterior e a operações vendidas [em que o lucro está na depreciação do ativo]. Nosso fundo nunca ficou alavancado ou fez operações com derivativos”, disse Maciel Neto. 

A diferença em relação ao produto original são os incentivos tributários, dependendo do horizonte de investimento. Por poder investir 100% em ações, contudo, o fundo de previdência é destinado apenas a investidores qualificados. 

Assim como o Small Mid Caps, sua taxa de administração será de 2% mais 20% sobre o que exceder o Índice Small Caps.

Acompanhe tudo sobre:AçõesGestores de fundosIbovespaSmall cap

Mais de Invest

Veja o resultado da Mega-Sena concurso 2751: prêmio acumulado é de R$ 51,9 milhões

Realização de lucros? Buffett vende R$ 8 bilhões em ações do Bank of America

Mega-Sena sorteia neste sábado prêmio acumulado em R$ 53 milhões

O que é private equity e como funciona?

Mais na Exame