VALE (VALE3) está entre as 59 ações recomendadas para julho; veja outras

Levantamento mensal da EXAME Invest aponta os papéis mais recomendados por bancos, corretoras, casas de análise e gestoras
Ações da Vale (VALE3) voltaram a liderar o ranking das recomendações para o mês (Patricia Monteiro/Bloomberg via/Getty Images)
Ações da Vale (VALE3) voltaram a liderar o ranking das recomendações para o mês (Patricia Monteiro/Bloomberg via/Getty Images)
Por Marília AlmeidaKarla Mamona

Publicado em 01/07/2022 às 19:53.

Última atualização em 02/07/2022 às 03:44.

As ações da Vale (VALE3) lideram o ranking das recomendações de bancos, corretoras e casas de análise para o mês de julho. Os papéis estão presentes em 11 das 14 carteiras consultadas pela EXAME Invest.

Empatados em segundo lugar do ranking estão os papéis da Suzano (SUZB3) e da WEG (WEGE3), com sete indicações cada um. Na terceira posição, estão as ações da Petrobras (PETR4), com seis indicações.

Stock guide: saiba como escolher as melhores ações segundo o BTG Pactual. Cadastre-se gratuitamente!

As carteiras mensais divulgadas têm a mesma quantidade de ações para permitir uma comparação de desempenho mais igualitária.

Ações recomendadas para o mês de julho

Ação Recomendações
Vale (VALE3) 11
Suzano (SUZB3) 7
WEG (WEGE3) 7
Petrobras (PETR4) 6
Localiza (RENT3) 5
PetroRio (PRIO3) 5
Banco BTG Pactual (BPAC11) 4
Itaú Unibanco 4
Minerva (BEEF3) 4
Multiplan (MULT3) 4
Alupar (ALUP11) 3
Ambev (ABEV3) 3
Assaí (ASAI3) 3
Banco do Brasil (BBAS3) 3
Lojas Renner (LREN3) 3
Marfrig (MRFG3) 3
SLC Agrícola 3
TIM (TIMS3) 3
B3 (B3SA3) 2
BB Seguridade (BBSE3) 2
Bradesco (BBDC4) 2
Cosan (CSAN3) 2
CPFL Energia (CPFE3) 2
Eletrobras (ELET3) 2
Engie (EGIE3) 2
Equatorial Energia (EQTL3) 2
Gerdau (GGBR4) 2
JBS (JBSS3) 2
Klabin (KLBN11) 2
Telefônica Vivo (VIVT3) 2
Totvs (TOTS3) 2
Banco ABC (ABCB4) 1
Bradespar (BRAP4) 1
BrasilAgro (AGRO3) 1
Braskem (BRKM5) 1
BRF (BRFS3) 1
Camil (CAML3) 1
CCR (CCRO3) 1
Cemig (CMIG4) 1
Companhia Brasileira de Alumínio (CBAV3) 1
Copel (CPLE6) 1
EDP Brasil (ENBR3) 1
Eneva (ENEV3) 1
Eztec (EZTC3) 1
Hypera (HYPE3) 1
Iguatemi (IGTI11) 1
iShares S&P500 (IVVB11) 1
JHSF (JHSF3) 1
Locamerica (LCAM3) 1
M. Dias Branco (MDIA3) 1
Movida (MOVI3) 1
Randon (RAPT4) 1
Sabesp (SBSP3) 1
Santander (SANB11) 1
Santos Brasil (STBP3) 1
São Martinho (SMTO3) 1
Taesa (TAEE11) 1
Vibra Energia (VBBR3) 1
Vivara (VIVA3) 1

Ágora Investimentos

Desempenho em junho: -1,20%
Ação excluída da carteira: Iguatemi
Ação incluída na carteira: Assaí

Ação Peso (%)
Ambev (ABEV3) 10
Assaí (ASAI3) 10
Banco BTG Pactual (BPAC11) 10
Banco do Brasil (BBAS3) 10
Cemig (CMIG4) 10
Lojas Renner (LREN3) 10
Petrobras (PETR4) 10
Suzano (SUZB3) 10
Vale (VALE3) 10
WEG (WEGE3) 10

BB Investimentos

Desempenho em junho: -14,66%
Ações excluídas: Gerdau, Lojas Renner, Simpar, SLC Agrícola e Vibra Energia
Ações incluídas: ABC Brasil, Alupar, Hypera, Petrobras e Suzano

Ação Peso (%)
ABC Brasil (ABCB4) 10
Alupar (ALUP11) 10
BTG Pactual (BPAC11) 10
Hypera (HYPE3) 10
Itaú Unibanco (ITUB4) 10
Localiza (RENT3 ) 10
Multiplan (MULT3) 10
Petrobras (PETR4) 10
Suzano (SUZB3 ) 10
Vale (VALE3 ) 10

Benndorf Research

Ações excluídas: Bradespar, BR Malls, Taesa, ABC Brasil, Unipar, JBS, Energisa, Orizon e SLC Agícola
Ações incluídas: iShares S&P500, Santos Brasil, BB Seguridade, Camil, CPF Energia, Eletrobras, Engie, Equatorial e TIM

Ação Peso (%)
iShares S&P500 (IVVB11) 20
Santos Brasil (STBP3) 20
BB Seguridade (BBSE3) 13
Camil (CAML3) 5
CPFL Energia (CPFE3) 2
Eletrobras (ELET3) 5
Engie Brasil (EGIE3) 1
Equatorial (EQTL3) 16
Petrobras (PETR4) 4
TIM (TIMS3) 14

BTG Digital

Desempenho em junho: 14%
Ações excluídas: Arezzo, Itaú Unibanco, Locaweb, Multiplan e Raízen
Ações incluídas: Localiza, Lojas Renner, Petrobras, Sabesp e WEG

Ação Peso (%)
Banco do Brasil (BBAS3) 10
Localiza (RENT3) 10
Lojas Renner 10
Minerva (BEEF3) 5
Petrobras (PETR4 ) 10
Sabesp (SBSP3) 10
SLC Agrícola (SLCE3 ) 10
Totvs (TOTS3) 10
Vale (VALE3 ) 15
WEG (WEGE3) 10

CM Capital

Desempenho em junho: -10,60%
Ações excluídas: Copasa, Eneva, SulAmérica e Suzano
Ações incluídas: Gerdau, Sabesp , Santander e SLC Agrícola

Ação Peso (%)
Bradespar (BRAP4) 10
Copel (CPLE6) 10
Gerdau (GOAU4) 10
PetroRio (PRIO3) 10
Sabesp (SBSP3) 10
Santander (SANB11) 10
São Martinho (SMTO3) 10
SLC Agrícola (SLCE3) 10
Vale (VALE3) 10
WEG (WEGE3) 10

Elite

Desempenho em junho: -17,74%
Não houve alteração na carteira

Ações Peso (%)
Alupar (ALUP11) 10
Companhia Brasileira de Alumínio (CBAV3) 10
Cosan (CSAN3) 10
Gerdau (GGBR4) 10
JHSF (JHSF3) 10
Marfrig (MRFG3) 10
Movida (MOVI3) 10
PetroRio (PRIO3) 10
Suzano (SUZB3) 10
TIM (TIMS3) 10

Genial Investimentos

Desempenho em junho: -12,51%
Ações excluídas: Equatorial, JHSF, Multilaser, PetroRio, Santander e Transmissão Paulista
Ações incluídas: Minerva, Braskem, Eztec, Lojas Renner, Suzano e Taesa

Ação Peso (%)
B3 (B3SA3) 10
Alupar (ALUP11) 10
Braskem (BRKM5) 10
Eztec (EZTC3) 10
Itaú Unibanco (ITUB4) 10
Lojas Renner (LREN3) 10
Minerva (BEEF3) 10
Suzano (SUZB3) 10
Taesa (TAEE11) 10
Vivara (VIVA3) 10

Guide

Desempenho em junho: -14,38%
Ações excluídas: Banco do Brasil, Energias do Brasil, Gerdau PN, Mafrig, Movida e Yduqs
Ações incluídas: : Assaí, BTG Pactual, Minerva, Vale, TOTVS e WEG

Ação Peso (%)
Assaí (ASAI3) 10
BTG Pactual (BPAC11) 10
Marfrig (MRFG3) 10
Minerva (BEEF3) 10
Multiplan (MULT3) 10
Petrobras (PETR4) 10
SLC Agícola (SLCE3) 10
TIM (TIMS3) 10
Vale (VALE3) 10
WEG (WEGE3) 10

Modalmais

Ações excluídas: Banco do Brasil, Camil, Cosan, Fleury, Hpera, JBS, PetroRio, RaiaDrogasil e Totvs.
Ações incluídas: BB Seguridade, JBS, Localiza, Locamerica, Marfrig, Minerva, Suzano, Vale e WEG

Ação Peso (%)
BB Seguridade (BBSE3) 10
JBS (JBSS3) 10
Klabin (KLBN11) 10
Localiza (RENT3) 10
Locamerica (LCAM3) 10
Marfrig (MRFG3) 10
Minerva (BEEF3) 10
Suzano (SUZB3) 10
Vale (VALE3) 10
WEG (WEGE3) 10

Nova Futura

Desempenho em junho: -14%
Ações excluídas da carteira: Braskem, Cemig, JHSF e SLC
Ações incluídas na carteira: Ambev, Suzano, Vibra Energia e Telefônica Vivo

Ação Peso (%)
Ambev (ABEV3) 11%
Assaí (ASAI3) 11%
B3 (B3SA3) 10%
Bradesco (BBDC4) 11%
CCR (CCRO3) 11%
PetroRio (PRIO3) 7%
Suzano (SUZB3) 11%
Telefônica Vivo (VIVT3) 11%
Vale (VALE3) 7%
Vibra (VBBR3) 10%

Planner

Desempenho em junho: -13,95%
Ações excluídas: BB Seguridade, Bradesco e Usiminas
Ações incluídas: Banco do Brasil, Engie Brasil e Equatorial

Ações Peso (%)
Banco do Brasil (BBAS3) 10
BrasilAgro (AGRO3) 10
Cosan (CSAN3) 10
Engie Brasil (EGIE3) 10
Equatorial (EQTL3) 10
JBS (JBSS3) 10
Multiplan (MULT3) 10
PetroRio ( PRIO3) 10
Randon (RAPT4) 10
Vale (VALE3) 10

Santander

Desempenho em junho: -9,48%
Não houve alteração na carteira

Ação Peso (%)
BTG Pactual (BPAC11) 10
CPFL Energia (CPFE3) 8
Itaú Unibanco (ITUB4) 10
Localiza (RENT3) 9
Multiplan (MULT3) 10
Petrobras (PETR3) 10
Suzano (SUZB3) 8
Totvs (TOTS3) 13
Vale (VALE3) 10
WEG (WEG3) 10

Terra Investimentos

Desempenho em maio: 3,87%
Ações excluídas: Americanas e Banco do Brasil
Ações incluídas: Klabin e Bradesco

Ação Peso (%)
Bradesco (BBDC4) 10
Eletrobras (ELET3) 10
Gerdau (GGBR4) 10
Iguatemi (IGTI11) 10
Klabin (KLBN11) 10
Localiza (RENT3) 10
Lojas Renner (LREN3) 10
PetroRio (PRIO3) 10
Vale (VALE3) 10
Weg (WEGE3) 10

Toro Investimentos

Desempenho em junho: -14,99%
Ações excluídas da carteira: B3, BTG Pactual, Gerdau, Raízen, SLC Agrícola, Soma e Suzano
Ações incluídas na carteira: Ambev, Eneva, Itaú Unibanco, M. Dias Branco, Petrobras, Telefônica Vivo e WEG

Ação Peso (%)
Ambev (ABEV3) 10
BRF (BRFS3) 10
EDP Brasil (ENBR3) 10
Eneva (ENEV3) 10
Itaú Unibanco (ITUB4) 10
M. Dias Branco (MDIA3) 10
Petrobras (PETR4) 10
Telefônica Vivo (VIVT3) 10
Vale (VALE3) 10
WEG (WEGE3) 10

Por que a Vale (VALE3) lidera o ranking?

Recentemente os analistas do Santander revisaram as estimativas para as ações da Vale, elevando em 3% a estimativa de Ebitda para 2022E, para agora US$ 30 bilhões, mas mantendo o preço-alvo de R$ 125 e a recomendação de compra do papel. As projeções do preço de minério de ferro também permanecem inalteradas (média anual para 2022 em US$ 120/t).

"A recente correção das ações da Vale precificou rapidamente uma deterioração nos fundamentos, o que fornece um ponto de entrada atraente para a nossa tese de minério de ferro mais forte por mais tempo (acima de US$ 100/t durante 2022), considerando a expectativa de que a demanda chinesa melhore no segundo semestre, e um crescimento fraco da oferta nos próximos anos", dizem, em relatório.

Depois de cair 19% no acumulado do ano, os analistas do BTG Digital acreditam que a WEG oferece um bom ponto de entrada, com a ação negociando a 25x P/L em 2023, implicando em um pequeno prêmio em relação a outros nomes globais de bens de capital.

"Os fundamentos [do papel] estão mais fortes do que nunca, refletindo sua entrega de resultados impressionantes durante a pandemia e reforçando seu modelo de negócios à prova de crises. Em um mercado tão incerto, vemos a WEGE3 como uma escolha defensiva (exposição a dólar em termos de ROIC).

Três ações para ficar de olho e lucrar em julho, segundo o BTG
Eletrobras, Fleury, Méliuz: as maiores altas e baixas do Ibovespa em junho

Sobre sua recomendação de compra das ações da Suzano, os analistas do BB Investimentos justificam que o cenário de oferta apertada e demanda resiliente em importantes mercados, como Estados Unidos e Europa, tem favorecido a implementação de reajustes de preços de celulose pela empresa e deve continuar no curto prazo. Além disso, o dólar elevado contribui para as receitas das exportadoras brasileiras.