Montadora de carros elétricos Tesla finalmente entra no S&P 500

A Tesla também será adicionada ao S&P 100, substituindo a Occidental Petroleum, segundo comunicado pela empresa responsável pelo índice

(Bloomberg) - As ações da Apartment Investment and Management derraparam na segunda-feira depois de a S&P Dow Jones Indices anunciar a retirada da firma de seu principal índice, a fim de dar lugar para a fabricante de veículos elétricos Tesla.

O fundo de investimento imobiliário com sede em Denver, no Colorado, administra apartamentos e perdeu 37% este ano, quando a pandemia de Covid-19 devastou as economias globais e destruiu dezenas de milhares de empregos nos EUA. Os papéis da Apartment Investment, com valor de mercado de US$ 6,3 bilhões, recuavam 4,1% antes a abertura do pregão nos EUA, enquanto as ações da Tesla subiam 1,5%.

A política vai seguir dando o tom na bolsa? Vai. E você pode aproveitar as oportunidades. Assine gratuitamente a EXAME Research

O anúncio conclui a tão esperada inclusão da montadora. Investidores no mundo todo ajustam suas carteiras antes das mudanças que entrarão em vigor em 21 de dezembro. A inclusão e retirada de empresas do índice ocorre regularmente, porém o processo atraiu imensa atenção desta vez porque a chegada da Tesla era amplamente aguardada. Cerca de US$ 11 trilhões estão aplicados em fundos atrelados ao índice.

A Tesla também será adicionada ao S&P 100, substituindo a Occidental Petroleum, segundo comunicado enviado na sexta-feira pela empresa responsável pelo índice. A Occidental permanecerá no S&P 500 e outro fundo imobiliário, chamado Apartment Income REIT, substituirá a Dunkin ’Brands Group no S&P MidCap 400 Index. No mês passado, a Inspire Brands Inc. anunciou a aquisição da Dunkin ’Brands por US$ 11,3 bilhões.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 1,90

Nos três primeiros meses,
após este período: R$ 15,90

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.
Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.