Tarifas bancárias aumentam até 393% em um ano. Veja os maiores reajustes

Pesquisa do Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec) mostra quais tarifas tiveram os maiores aumentos
Tarifa avulsa “transferência entre contas da mesma instituição financeira presencialmente” da Caixa subiu de R$ 1,40 para R$ 6,90 (Marcelo Camargo/Agência Brasil)
Tarifa avulsa “transferência entre contas da mesma instituição financeira presencialmente” da Caixa subiu de R$ 1,40 para R$ 6,90 (Marcelo Camargo/Agência Brasil)
Marília Almeida
Marília AlmeidaPublicado em 10/08/2020 às 12:28.

Dois bancos públicos reajustaram o preço de sua tarifa avulsa “transferência entre contas da mesma instituição financeira presencialmente” em até 393% (Caixa, de R$ 1,40 para R$ 6,90) e 342% (Banco do Brasil - R$ 1,95 para R$ 6,85). É o que constata uma pesquisa realizada pelo Idec (Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor) entre junho de 2019 e junho de 2020.

Entre as 45 tarifas avulsas, os reajustes praticados pelos bancos (Banco do Brasil, Bradesco, Caixa e Itaú) atingiu mais de 50% dos serviços com variação entre 1% (Itaú e Bradesco) e 393% (Caixa). Já o Santander e o Safra corrigiram o preço de apenas quatro tarifas.

Já quando se trata de pacotes de tarifas o Banco do Brasil, Bradesco, Caixa e Itaú reajustaram entre 2% (Bradesco) a 90% (Caixa) os custos de 53% dos produtos.  Somente o Santander e Safra não reajustaram os pacotes. No total os seis maiores bancos oferecem 75 pacotes de serviços, incluindo os pacotes padronizados pelo Banco Central.

Veja abaixo os principais resultados da pesquisa do Idec:

Tarifas avulsas com maiores reajustes no último ano

Banco  

Nome do Pacote 

(jun) 2019

(jun)

2020 

Variação

Banco do Brasil

Transferência entre contas na própria instituição presencial

        1,55

        6,85

342%

Bradesco

Fornecimento de cópia de microfilme, microficha ou assemelhado

        6,10

        7,75

27%

Caixa

Transferência entre contas na própria instituição presencial

        1,40

        6,90

393%

Itaú

Transferência entre contas na própria instituição presencial

        1,50

        1,65

10%

Santander

Venda de moeda estrangeira - espécie

      30,00

      50,00

67%

Safra

Transferência por meio de DOC - DOC eletrônico

      8,50

        8,90

5%

Comparativo dos pacotes de tarifas com maior reajuste no último ano

Banco  

Nome do Pacote

(jun) 2019

(jun) 2020 

Variação

Banco do Brasil

Personalizado Especial

        65,76

        76,60

16%

Bradesco

Prático 2

        21,00

        26,00

24%

Caixa

Universitária

          7,90

        15,00

90%

Itaú

MaxiConta Itaú Universitária

          7,00

          8,15

16%

Santander

Não aplicou reajuste no período

Sem reajustes

Safra

Não aplicou reajuste no período

Sem reajustes

Bancos tradicionais x bancos digitais

Enquanto os grandes bancos aumentam a cobrança de serviços, os bancos digitais e fintechs avançam na oferta de contas digitais, com isenção de tarifas e ampliação da oferta de serviços.

Entre os sete bancos e fintechs que oferecem contas digitais, com atuação concentrada em operações de transferência entre contas de instituições financeiras e pagamentos, a maioria continua oferecendo o serviço sem cobrança de tarifas, algumas com isenção total para todos os serviços.

Nos bancos digitais, o serviço que pode apresentar cobrança de tarifa é o “saque” presente em 5 das 7 instituições. No período pesquisado, o único reajuste praticado entre as contas digitais foi do saque da Superdigital (R$ 5,90 jun/2019 para R$ 6,90 em jun/2020).

Serviços oferecidos pelos bancos digitais e fintechs

Banco

Nome do pacote ou serviços oferecidos

(jun) 2019

(jun) 2020

Variação

Agibank

Saque

        6,49

      6,49

0%

Transferência para outros bancos

        1,90

1,90

0%

Transferências entre contas Agibank

Isento

isento

Neon

Saque

          6,90

          6,90

0%

Compras internacionais no cartão

4% + IOF

Next

Pacote serviços

          9,95

Isento

Banco Inter

Pacote de serviços

Isento

Isento

Banco Original

Pacote de serviços

        12,90

        12,90

0%

Superdigital

Pacote para movimentação inferior a R$ 500,00

        9,90

          9,90

Saque

        5,90

          6,40

8%

Saque Cartão Exterior

      19,90

        19,90

Emissão Extrato

        2,00

          2,00

Transferência para outro banco

        5,90

          5,90

Cartão Virtual

        4,90

          4,90

Nubank

Saque

        6,50

          6,50

0%

Com o propósito de realizar as operações digitalmente, o saque é uma função que não se enquadra nessa condição, e por não ter agência físicas o uso compartilhado da rede 24 horas apresenta uma tarifa superior a praticada pelos bancos tradicionais. Mas os consumidores podem evitar o uso dessa operação, otimizando o uso do cartão na função débito, dessa forma além de evitar a tarifa, possui um melhor controle dos gastos e acompanhamento da movimentação através de extrato.

Para o Idec os consumidores devem ficar atentos às cobranças de tarifas nos extratos com descontos de pacote e tarifas avulsas. As cobranças são automáticas na conta o que facilita a ausência de controle por parte do consumidor e possibilita a prática abusiva.

Além dos bancos digitais e fintechs, que oferecem serviços gratuitos, os consumidores que optarem por manter as contas nos bancos tradicionais, também podem converter suas contas para o Serviços Essenciais, uma modalidade de conta sem pacote que garante ao consumidor a movimentação da conta com direito ao cartão de débito, 4 operações de saque, 2 extratos bancários, 2 transferências e consultas ao Internet banking e aplicativo pelo celular.