Acompanhe:

Renegociação de dívidas do Fies já pode ser feita em novo aplicativo; veja o passo a passo

Débitos poderão ser parcelados com até 99% de desconto

Além da renegociação de dívidas, o aplicativo permite a consulta aos principais dados do contrato e a geração de boletos (Rafael Henrique/Getty Images)

Além da renegociação de dívidas, o aplicativo permite a consulta aos principais dados do contrato e a geração de boletos (Rafael Henrique/Getty Images)

A
Agência Brasil

Publicado em 1 de setembro de 2022, 12h00.

Última atualização em 1 de setembro de 2022, 17h51.

A partir de hoje (1º), estudantes que contrataram o Financiamento Estudantil (Fies) na Caixa Econômica Federal poderão renegociar as dívidas. O banco lançou o aplicativo Fies Caixa, que permitirá o refinanciamento das parcelas em atraso com até 99% de desconto.

Além da renegociação de dívidas, o aplicativo permite a consulta aos principais dados do contrato e a geração de boletos. Por meio da plataforma, o estudante poderá verificar se seu contrato está apto para renegociação, simular as opções e aderir às condições mais adequadas ao seu perfil.

Como acessar o app do FIES?

O aplicativo Fies Caixa está disponível para download a partir de hoje, para dispositivos móveis (smartphones e tablets) dos sistemas Android e iOS.

Segundo a Caixa, cerca de 1,85 milhão de clientes poderão consultar os dados, dos quais 1,2 milhão poderão renegociar a dívida pelo aplicativo.

Até quando é possível fazer o pedido de renegociação de dívidas do FIES?

A renegociação poderá ser pedida até 31 de dezembro deste ano e seguirá as regras da Resolução 51/2022, publicada em julho e que permite o parcelamento dos débitos com descontos de 12% a 99%, dependendo do tempo de atraso.

Estudantes com as parcelas em dia poderão quitar o saldo restante do financiamento com 12% de desconto. Além do aplicativo da Caixa, os acordos poderão ser firmados no site do Fies.

Veja o passo a passo

Ao abrir o aplicativo, o estudante deve escolher a opção Renegociação FIES e seguir os passos abaixo:

1) Verificar se o contrato está apto para renegociação;
2) Conferir os dados do contrato;
3) Simular os tipos de renegociação disponíveis;
4) Confirmar os dados da renegociação;
5) Aceitar o termo aditivo e aderir à renegociação;
6) Emitir o boleto de entrada.

A renegociação será efetivada somente após o pagamento da primeira parcela. O aplicativo fornece outros serviços. No campo Meu FIES, o estudante pode verificar um resumo dos dados do contrato. A opção Boleto permite a visualização e a geração do formulário das parcelas em aberto. No botão Perfil, aparecem os dados cadastrados no Fies.

Veja também:

Novo app do Fies permite diminuir dívida em até 99%

Preço médio da fruta na refeição subiu 29,6% pós-pandemia, aponta pesquisa

Últimas Notícias

ver mais
Abono salarial: liberada a consulta de valores do PIS/Pasep; saiba como
seloMinhas Finanças

Abono salarial: liberada a consulta de valores do PIS/Pasep; saiba como

Há menos de um minuto • 1 min de leitura
Nascer bilionário no Brasil pode ser 40 vezes mais fácil do que vencer na Mega-Sena
seloMinhas Finanças

Nascer bilionário no Brasil pode ser 40 vezes mais fácil do que vencer na Mega-Sena

Há menos de um minuto • 1 min de leitura
Laatus lança alternativa gratuita ao terminal Bloomberg para o varejo
seloMinhas Finanças

Laatus lança alternativa gratuita ao terminal Bloomberg para o varejo

Há menos de um minuto • 1 min de leitura
Ninguém acerta Mega-Sena e prêmio vai a R$160 milhões
seloMinhas Finanças

Ninguém acerta Mega-Sena e prêmio vai a R$160 milhões

Há menos de um minuto • 1 min de leitura
icon

Brands

ver mais

Uma palavra dos nossos parceiros

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

leia mais