Invest

PIS/PASEP 2024: abono salarial tem novo pagamento nesta segunda; veja como sacar

O crédito do benefício é feito de acordo com o mês de nascimento do trabalhador. Veja se você tem direito ao PIS

PIS: calendário é unificado, e todos recebem de acordo com o mês de nascimento (Rmcarvalho/Getty Images)

PIS: calendário é unificado, e todos recebem de acordo com o mês de nascimento (Rmcarvalho/Getty Images)

Publicado em 15 de julho de 2024 às 08h20.

Última atualização em 15 de julho de 2024 às 08h22.

A Caixa paga a partir desta segunda-feira, 15,o abono salarial 2024, referente ao ano-base 2022, para os nascidos em setembro e outubro. .

Cerca de 4,24 milhões de trabalhadores com carteira assinada nascidos em setembro e outubro serão beneficiados. A quantia está disponível no aplicativo da Carteira de Trabalho Digital e no Portal Gov.br.

O calendário do benefício é feito de acordo com o mês de nascimento do trabalhador.

Qual é o valor do pagamento do PIS?

Os valores do abono salarial variam de acordo com a quantidade de dias trabalhados durante o ano-base 2022.

O calendário de pagamento do abono salarial teve início em fevereiro. Segundo o Ministério do Trabalho, 24,8 milhões de pessoas receberão o benefício até o final do calendário, sendo 21,9 milhões da iniciativa privada e 2,9 milhões do serviço público.

Os trabalhadores podem consultar mais sobre o seu benefício no aplicativo Carteira de Trabalho Digital e no portal Gov.br. Também é possível se informar nos canais de atendimento do Ministério do Trabalho e nas unidades das Superintendências Regionais do Trabalho, pelo telefone 158. 

Posso receber o abono salarial?

Podem receber o valor os trabalhadores com carteira assinada e servidor público com salário mensal médio de até dois salários mínimos durante o ano-base — que em 2024 terá como referência os meses trabalhados em 2022. Quem é empregado por pessoa física ou é trabalhador doméstico não têm direito ao abono. 

É preciso estar cadastrado no programa há pelo menos cinco anos, e ter exercido atividade remunerada por pelo menos 30 dias em 2022. Além disso, é necessário que o empregador tenha fornecido as informações sobre o funcionário na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS) ou no eSocial do ano-base de 2022.

Onde consultar o calendário do PIS 2024

Antes, quem recebia PIS tinha datas de pagamento diferentes de quem recebia o Pasep. Agora, o calendário é unificado e todos recebem de acordo com o mês de nascimento. Os pagamentos serão feitos entre 15 de fevereiro e 27 de dezembro. 

NASCIDOS EMRECEBEM A PARTIR DERECEBEM ATÉ
Janeiro15/02/202427/12/2024
Fevereiro15/03/202427/12/2024
Março15/04/202427/12/2024
Abril15/04/202427/12/2024
Maio15/05/202427/12/2024
Junho15/05/202427/12/2024
Julho17/06/202427/12/2024
Agosto17/06/202427/12/2024
Setembro15/07/202427/12/2024
Outubro15/07/202427/12/2024
Novembro15/08/202427/12/2024
Dezembro15/08/202427/12/2024

Fonte: Ministério do Trabalho e Emprego

​Quanto vou receber de abono salarial do PIS e do Pasep?

Para calcular quanto você pode receber, é preciso verificar por quanto tempo você trabalhou com carteira assinada em 2022. O valor é proporcional aos meses trabalhados, em relação ao salário mínimo de hoje (R$ 1.412), isto é, R$ 117,66 por mês. Assim, o valor integral é destinado para quem trabalhou durante 12 meses em 2022.

Como sacar o abono salarial 2024

O pagamento do PIS é feito pela Caixa Econômica Federal, por crédito em conta Caixa, caso o trabalhador tenha conta-corrente ou conta poupança no banco, por crédito pelo aplicativo Caixa Tem, em conta poupança social digital, aberta automaticamente pela Caixa, ou em agência, lotéricas, autoatendimento e outros canais de pagamentos oferecidos pela Caixa.

Os depósitos do Pasep são feitos pelo Banco do Brasil, via crédito em conta, transferência TED ou Pix. Também podem ser feitos presencialmente nas agências do banco. 

Acompanhe tudo sobre:PIS/PasepBenefíciosCaixa

Mais de Invest

Privatização da Sabesp: período de reserva de ações termina nesta segunda-feira

Mercado de fidelização cresce 13,6% no primeiro trimestre de 2024 com recorde de troca de milhas

Atentado contra Trump: como os mercados reagem nesta segunda-feira

O que esperar do mercado após ataque a Trump

Mais na Exame