Se houvesse uma 2ª onda de covid no Brasil, como se comportariam os FIIs?

O professor Arthur Vieira de Moraes, da EXAME Research, responde dúvidas dos leitores sobre o fundos imobiliários
 (Noam Galai/Getty Images)
(Noam Galai/Getty Images)
A
Arthur Vieira de Moraes, da Exame Research

Publicado em 09/11/2020 às 09:23.

Última atualização em 09/11/2020 às 10:28.

Dúvida do leitor: No caso de uma 2ª onda de covid no Brasil, como se comportariam os fundos imobiliários?

Resposta do professor Arthur Vieira de Moraes, da EXAME Research, e especialista em fundos imobiliários 

Caro leitor, é muito difícil dar uma resposta precisa sobre isso, mas esperamos que a nova onda de contaminação de covid-19 não aconteça. Mas se acontecer, vale lembrar que é a segunda onda de algo que já vivemos recentemente. Já experimentamos, logo, teríamos conhecimento prévio sobre o assunto. Iríamos questionar se os shopping centers fechariam novamente, se demorariam para abrir, entre outros. Nós tentamos e erramos na primeira onda, então caso houvesse a segunda, seríamos mais assertivos.

Como aproveitar a retomada para ganhar com fundos imobiliários? A EXAME Academy fará de você um especialista no setor. Assine. 

Eu acredito que seria menos difícil. As cotas dos fundos se desvalorizariam da mesma maneira do que na primeira. Mas vale lembrar que em março todas as cotas caíram. 40 dias depois o mercado começou a perceber que em muitos fundos, os inquilinos permaneceram pagando o aluguel e logo voltaram aos patamares de antes.  Em caso de segunda onda, os investidores teriam um pouco mais de clareza do que aconteceria devido à experiência prévia. Mas não se esqueça que outras crises virão e não serão uma segunda onda, mas uma crise nova. Isso faz parte da vida. O mercado é cíclico, por isso o investidor deve ter cuidado com alocação de portfólio e cuidar da reserva de emergência. 

Envie também sua dúvida para o professor. O endereço para envio está aqui.

No curso “Patrimônio e renda com fundos imobiliários“, Arthur Vieira de Moraes ensina a investir em imóveis através de fundos imobiliários. O professor ajuda os alunos a entenderem como funcionam e porque é vantajoso investir em FIIs. O conteúdo mostra como é possível diversificar a carteira, aumentar o patrimônio e renda de forma tão ou mais segura quanto um dos investimentos mais tradicionais do país. Ao final do curso, o aluno é capaz de investir em fundos imobiliários e tem o conhecimento necessário sobre os mecanismos de proteção ao investimento. Inscreva-se já.