Minhas Finanças

Empresa cortou seu salário? Veja quanto vai receber de seguro-desemprego

Benefício emergencial evita perda relevante de renda durante a crise do coronavírus

Cédulas: mesmo minimizada pelo valor do seguro, perda de renda pode chegar a 60% nas faixas mais altas (Priscila Zambotto/Getty Images)

Cédulas: mesmo minimizada pelo valor do seguro, perda de renda pode chegar a 60% nas faixas mais altas (Priscila Zambotto/Getty Images)

Marília Almeida

Marília Almeida

Publicado em 3 de abril de 2020 às 16h36.

Última atualização em 15 de abril de 2020 às 16h02.

Nesta semana o governo federal divulgou um pacote emergencial para ajudar empresas e trabalhadores a enfrentar a crise provocada pela disseminação do coronavírus no país. Uma das medidas consiste em dar um valor emergencial na forma de seguro-desemprego aos trabalhadores que tiverem salários cortados em até 70%. É um acordo feito entre governo e empresas para preservar empregos.

O benefício varia conforme a renda mensal. Os novos valores do seguro-desemprego minimizam mais a perda de renda para trabalhadores que ganham menos, enquanto para aqueles que ganham salários maiores o valor é menor.

Enquanto trabalhadores que ganham até três salários mínimos perdem, no máximo, 16% da renda, trabalhadores que ganham mais de R$ 12.000 podem perder até 60% da renda.

São três faixas: até três salários mínimos (R$ 3.135), entre três salários mínimos e dois tetos do INSS (R$ 12.202,12) e mais de dois tetos do INSS.

Existem algumas condições para que o empregador possa cortar salários. É necessário preservar o valor do salário-hora de trabalho, novos salários devem durar pelo prazo máximo de 90 dias, e deve haver pactuação por acordo individual escrito entre empregador e empregado, devendo a proposta ser encaminhada ao empregado com antecedência mínima de dois dias corridos.

Exame Research — 30 dias grátis da melhor análise de investimentos

Além disso, deve haver garantia provisória no emprego durante o período de redução e após o restabelecimento da jornada por período equivalente ao da redução. Exemplo: redução de dois meses, garante uma estabilidade dos dois meses e de mais dois, no total de quatro meses

Veja abaixo simulações para quem ganha salários em cada faixa definida pelas medidas:

Entre R$ 3.136 e R$ 12.202,12

Salário: R$ 6.000

ReduçãoSalárioSeguro DesempregoRenda CompostaPerda de RendaVariação %
 R$             6,000.00 R$                   1,813.00
25% R$             4,500.00 R$                       453.25 R$                  4,953.25 R$              1,046.7517.45%
50% R$             3,000.00 R$                       906.50 R$                  3,906.50 R$              2,093.5034.89%
70% R$             1,800.00 R$                   1,269.10 R$                  3,069.10 R$              2,930.9048.85%

Salário: R$ 10.000

ReduçãoSalárioSeguro DesempregoRenda CompostaPerda de RendaVariação %
 R$           10,000.00 R$                   1,813.00
25% R$             7,500.00 R$                       453.25 R$                  7,953.25 R$              2,046.7520.47%
50% R$             5,000.00 R$                       906.50 R$                  5,906.50 R$              4,093.5040.94%
70% R$             3,000.00 R$                   1,269.10 R$                  4,269.10 R$              5,730.9057.31%

Até R$ 3.135

Salário: R$ 3.135

ReduçãoSalárioSeguro DesempregoRenda CompostaPerda de RendaVariação %
3 S.M. R$             3,135.00 R$                   1,813.00
25% R$             2,351.25 R$                       453.25 R$                  2,804.50 R$                  330.5010.54%
50% R$             1,567.50 R$                       906.50 R$                  2,474.00 R$                  661.0021.08%
70% R$                 940.50 R$                   1,269.10 R$                  2,209.60 R$                  925.4029.52%

Salário: R$ 2.090

ReduçãoSalárioSeguro DesempregoRenda CompostaPerda de RendaVariação %
2 S.M. R$             2,090.00 R$                   1,813.00
25% R$             1,567.50 R$                       453.25 R$                  2,020.75 R$                    69.253.31%
50% R$             1,045.00 R$                       906.50 R$                  1,951.50 R$                  138.506.63%
70% R$                 627.00 R$                   1,269.10 R$                  1,896.10 R$                  193.909.28%

Salário: R$ 1.800

ReduçãoSalárioSeguro DesempregoRenda CompostaPerda de RendaVariação %
 R$             1,800.00 R$                   1,379.89
25% R$             1,350.00 R$                       344.97 R$                  1,694.97 R$                  105.035.83%
50% R$                 900.00 R$                       689.94 R$                  1,589.94 R$                  210.0611.67%
70% R$                 540.00 R$                       965.92 R$                  1,505.92 R$                  294.0816.34%

Mais de R$ 12.202,12

Salário: R$ 12.202,12

ReduçãoSalárioSeguro DesempregoRenda CompostaPerda de RendaVariação %
 R$           12,202.12 R$                   1,813.00
25% R$             9,151.59 R$                       453.25 R$                  9,604.84 R$              2,597.2821.29%
50% R$             6,101.06 R$                       906.50 R$                  7,007.56 R$              5,194.5642.57%
70% R$             3,660.64 R$                   1,269.10 R$                  4,929.74 R$              7,272.3859.60%

Salário: R$ 14.000

ReduçãoSalárioSeguro DesempregoRenda CompostaPerda de RendaVariação %
 R$           14,000.00 R$                   1,813.00
25% R$           10,500.00 R$                       453.25 R$               10,953.25 R$              3,046.7521.76%
50% R$             7,000.00 R$                       906.50 R$                  7,906.50 R$              6,093.5043.53%
70% R$             4,200.00 R$                   1,269.10 R$                  5,469.10 R$              8,530.9060.94%

 

Acompanhe tudo sobre:Coronavírusorcamento-pessoalplanejamento-financeiro-pessoalrenda-pessoalSeguro-desemprego

Mais de Minhas Finanças

Ministério da Justiça realiza leilão de 54 quilos de ouro; veja como participar

Mega-Sena acumulada: quanto rendem R$ 61 milhões na poupança

Programa Apoio Financeiro: Caixa paga parcela de R$ 1.412 a trabalhadores do RS

Receita libera consulta ao 3º lote de restituição do IR 2024 nesta semana

Mais na Exame