Citroën convoca recall dos modelos C3 Picasso e Aircross

Recall dos dois modelos vale para carros fabricados entre 2010 e 2012

São Paulo – A Citroën convocou um recall para checagem dos flexíveis de freio dianteiros de 31.738 carros dos modelos Citroën Aircross e C3 Picasso. As 24.398 unidades do modelo Aircross, fabricados entre março de 2010 e abril de 2012, e as 7.340 unidades do C3 Picasso, fabricados entre agosto de 2010 e abril de 2012, devem ser levados às concessionárias autorizadas para que sejam realizados os reparos devidos. 

Para o Citroën Aircross, o recall vale para os chassis de números BB504234 até DB500184.

E para o Citroën C4 Picasso, foram convocados os carros com os chassis de números BB524630 até DB500176

A montadora constatou que houve um defeito de fabricação no dispositivo de freio que pode provocar um desgaste pelo contato com outras peças. Com o desgaste, pode haver uma perda do fluído de freio e uma consequente diminuição na eficiência da frenagem, aumentando o risco de acidentes.

Segundo a montadora, a reposição da peça dura cerca de uma hora e meia, mas isso pode variar de acordo com a concessionária. O serviço é gratuito. 

Para eventuais dúvidas, a Citroën está fazendo o atendimento de clientes por telefone (0800 011 8088) e algumas informações podem também ser encontradas no site da empresa

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 15,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 44,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa quinzenal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.