Caixa anuncia taxa de juro de 7,66% para imóveis de até R$ 350 mil

A Caixa anunciou a redução das taxas de juros para aqueles que se enquadram na modalidade pró-cotista e efetivarem a contratação até o dia 31 de dezembro de 2022
Caixa: o banco reduziu as taxas de juros no Pró-Cotista e ampliou a faixa de renda familiar para o Programa de Habitação Popular com Recursos FGTS (Pilar Olivares/Agência Brasil)
Caixa: o banco reduziu as taxas de juros no Pró-Cotista e ampliou a faixa de renda familiar para o Programa de Habitação Popular com Recursos FGTS (Pilar Olivares/Agência Brasil)
Karla Mamona
Karla Mamona

Publicado em 21/07/2022 às 15:37.

Última atualização em 27/07/2022 às 15:27.

A Caixa anunciou nesta quinta-feira, 21, novas condições para aquisição da moradia própria por duas linhas de financiamento: o Programa de Habitação Popular com Recursos FGTS e o Pró-cotista. O banco reduziu as taxas de juros no Pró-Cotista e ampliou a faixa de renda familiar para o Programa de Habitação Popular com Recursos FGTS.

Dessa maneira, passam a compor o público da Habitação Popular com Recursos FGTS famílias com renda de até R$ 8 mil reais. Essa medida possibilita que mais pessoas tenham acesso às condições diferenciadas do programa, conforme tabela abaixo:

Caixa- Pro-Cotista

(Caixa- Pro-Cotista/Divulgação)

 

Os subsídios para aquisição do imóvel serão concedidos com o financiamento habitacional, de acordo com a renda familiar, capacidade de pagamento e especificidades da população de cada região.

Linha FGTS Pró-Cotista

Outra novidade é a redução das taxas de juros para aqueles que se enquadram na modalidade pró-cotista e efetivarem a contratação até o dia 31 de dezembro de 2022. As novas taxas partem de TR + 7,66% a.a. para imóveis de até R$ 350 mil, representando uma redução de 1 p.p.

Além da redução de taxas, a quota de financiamento na linha pró-cotista foi ampliada para até 80% do valor de avaliação do imóvel.

Leia também: Como comprar um imóvel no exterior: saiba quais as restrições de cada país