5 dicas de como evitar golpes no cartão de crédito

As fraudes acontecem em sua maioria quando o consumidor entrega o cartão na mão de uma pessoa mal intencionada
Golpes de cartão de crédito: Saiba como se proteger (Joe Raedle/Getty Images)
Golpes de cartão de crédito: Saiba como se proteger (Joe Raedle/Getty Images)
Por Tales RamosPublicado em 16/06/2022 08:02 | Última atualização em 14/06/2022 16:22Tempo de Leitura: 3 min de leitura

Você provavelmente já recebeu ou ouviu falar de gente que recebeu algum golpe de cartão de crédito. As fraudes acontecem em sua maioria quando o consumidor entrega o cartão na mão de uma pessoa mal intencionada.

Foi por isso que a PROTESTE, Associação Brasileira de Defesa do Consumidor, organizou algumas dicas para você evitar os golpes, afinal, todo cuidado é pouco na hora de proteger suas finanças.

1. Atenção com o manuseio do cartão

Para Henrique Lian, diretor de relações institucionais e mídia da PROTESTE, é importante que o consumidor esteja sempre atento com o manuseio do cartão.

“As fraudes mais comuns acontecem quando o consumidor entrega o cartão de crédito na mão do ambulante ou comerciante mal intencionado e deixa de prestar atenção nas ações do golpista. Nesse momento é preciso ficar atento à localização do cartão, evitando que haja uma troca, e no valor na maquininha, impedindo que seja cobrado um valor errado”, afirma Lian.

2. Diferencie seu cartão

Um dos casos comuns de golpe acontecem por meio da troca do seu cartão por outro, efetuando assim um furto do cartão físico. No tumulto de um bloquinho de carnaval, por exemplo, essa ação pode facilmente passar despercebida.

Uma dica para aumentar a atenção é colocar um adesivo que possa te ajudar a diferenciar seu cartão de maneira simples.

3. Cuidado com o valor da maquininha

Outro golpe bastante praticado é o de marcar um valor superior na maquininha. Na maior parte das vezes em que isso acontece, o comerciante colocará um valor parecido com o valor cobrado (Exemplo: R$ 100,00 em vez de R$ 10,00) e irá tentar passar despercebido.

Por isso é fundamental ficar atento aos valores inseridos na maquininha e cuidado especial para o uso da função de contato, que muitas vezes não requer inserção de senha e pode ser passado sem a intenção.

4. Decore o código de segurança

Uma das recomendações para evitar golpes também é a de apagar o número do código de segurança do cartão. Sem o código, é impossível fazer qualquer compra pela internet em caso de perda do cartão. Dessa forma o consumidor dificulta a vida dos golpistas.

Mas é claro que é importante decorar este código ou anotá-lo em um lugar seguro.

5. Tenha o aplicativo do banco

Sempre é importante ter o aplicativo do banco ou do cartão instalado em seu celular, assim é possível acompanhar as compras realizadas em tempo real, recuperar a localização de onde a compra foi feita e notificar o banco o mais rápido possível após o acontecimento.