Vamos (VAMO3) capta R$ 640 milhões em follow-on e mira crescimento orgânico

Montante sai abaixo do que o inicialmente esperado pela companhia; não houve demanda por lote adicional
Vamos (Vamos/Divulgação/Divulgação)
Vamos (Vamos/Divulgação/Divulgação)
Guilherme Guilherme
Guilherme Guilherme

Publicado em 22/09/2022 às 09:23.

Última atualização em 22/09/2022 às 09:32.

A Vamos (VAMO3), empresa de locação de caminhões e maquinário da holding Simpar (SIMH3), levantou R$ 641,4 milhões em follow-on reservado a investidores profissionais. Foram emitidas 48,410 milhões de ações a R$ 13,25 cada, com desconto de 2,65% em relação à cotação do último fechamento

O montante arrecadado saiu abaixo do esperado pela Vamos no anunciou da nova oferta de ações, no início deste mês. Os papéis da companhia eram cotados a R$ 14,46.

Pelos cálculos iniciais, o plano da companhia era levantar R$ 700 milhões, no cenário base, e até R$ 1,05 bilhão, em caso de demanda por ações adicionais -- o que não houve.

O dinheiro será utilizado para financiar o crescimento orgânico da Vamos, com a compra de caminhões e máquinas.

Este foi o segundo follow-on realizado pela Vamos em cerca de um ano. No primeiro, em setembro do ano passado, a empresa levantou R$ 1,1 bilhão, com as ações saindo perto da máxima histórica.

Os papéis da Vamos acumulam alta de 109% desde o IPO, realizado em janeiro de 2021. No ano, as ações valorizaram-se cerca de 20%.