Invest

TSMC supera expectativas, prévia da EzTec e Kepler Weber nos EUA: 3 assuntos que movem o mercado

Bolsas recuperam perdas dos últimos dias, após dados e falas do Fed reduzirem expectativas por um ciclo de queda de juros agressivo nos EUA

TSMC (I-Hwa Cheng/Getty Images)

TSMC (I-Hwa Cheng/Getty Images)

Guilherme Guilherme
Guilherme Guilherme

Repórter de Invest

Publicado em 18 de janeiro de 2024 às 08h45.

Última atualização em 18 de janeiro de 2024 às 09h44.

O mercado internacional iniciou esta quinta-feira, 18, em tom de recuperação após as perdas causadas pela maior aversão ao risco nos últimos dias. Falas de banqueiros centrais em no Fórum Econômico de Davos têm reduzido as expectativas de cortes de juros mais agressivos nas principais economias, enquanto os dados que mostram maior resiliência da economia americana são vistos como sinal de preocupação. Com a economia americana forte, como indicado ontem pelas vendas do varejo, investidores temem que o Federal Reserve (Fed) atrase o início dos cortes de juros. Em relação à semana passada, investidores passaram a precificar uma probabilidade de 10 pontos percentuais a mais para a manutenção da taxa de juro estável na decisão do Fed de março. Mas a chance de corte ainda é vista como mais provável, com probabilidade precificada a 60%, segundo o monitor do CME Group.

TSMC sobe impulsionada por IA

Nesta quinta, ao menos, a direção dos principais indicadores do mercado está para cima. O principal destaque desta manhã são as ações da taiwanesa TSMC, maior empresa de semicondutores do mundo. A companhia apresentou receita líquida de US$ 19,62 bilhões de dólares no quarto trimestre. O lucro ficou em US$ 7,48 bilhões, ou US$ 1,44 por ação ante o consenso de US$ 1,38. Mas a maior surpresa foi o guidance da TSMC, que prevê 20% de aumento de receita para 2024, com expectativa ancorada pela maior demanda por chips para inteligência artificial. As ações da TSMC disparam mais de 5% no pré-mercado da Nasdaq.

Prévia da EzTec

Por aqui, onde a temporada de balanços do quarto trimestre ainda não começou, as prévias operacionais já agitam o mercado. Na última noite, foi a vez da EzTec divulgar seus números. A incorporadora registrou queda anual de 34,6% nas vendas líquidas. Em lançamentos, a companhia terminou 2023 com um VGV de R$ 987 milhões, bem abaixo do registrado no ano passado, quando os lançamentos atingiram um VGV de R$ 1,78 bilhão. A redução, segundo a EzTec, está atrelada à estratégia de reduzir os estoques de imóveis prontos e em construção.

Kepler Weber mais perto dos EUA

A Kepler Weber está mais próxima de ser negociada no mercado americano, após o Conselho da companhia ter aprovado o programa de American Depositary Shares (ADRs). As ADRs são a forma mais simples de uma empresa listada fora dos Estados Unidos ter suas ações negociadas no mercado americano. O lastro das ADRs será de 1 para cada 1 ação da Kepler Weber. Não haverá emissão de novas ações. O objetivo da operação, segundo a Kepler Weber, é aumentar a liquidez e facilitar o acesso de investidores estrangeiros. 

Acompanhe tudo sobre:bolsas-de-valoresTSMCKepler WeberEztec

Mais de Invest

Ibovespa opera em alta com ajuda de Petrobras (PETR4)

Descubra 4 crimes financeiros que você provavelmente não conhecia

Amortização: o que é, tipos e como funciona?

Balanço do Santander, PMI dos EUA e da zona do euro, Tesla e Campos Neto: o que move o mercado

Mais na Exame