SulAmérica adquire Sompo Saúde por R$ 230 mi e units disparam 6,8%

Aquisição reforça a estratégia de crescimento da companhia e amplia sua presença na Grande São Paulo e em planos coletivos empresariais, incluindo PMEs
Sede da SulAmérica no Rio de Janeiro: aquisição anunciada no penúltimo dia de 2021 | Foto: Divulgação (SulAmérica/Divulgação)
Sede da SulAmérica no Rio de Janeiro: aquisição anunciada no penúltimo dia de 2021 | Foto: Divulgação (SulAmérica/Divulgação)
Por Da RedaçãoPublicado em 30/12/2021 18:25 | Última atualização em 30/12/2021 19:15Tempo de Leitura: 2 min de leitura

A SulAmérica (SULA11) foi um dos destaques do último pregão do ano na bolsa brasileira, a B3. As units da SulAmérica fecharam em alta de 6,84%, para 27,49 reais, em um dia em que o Ibovespa avançou 0,69%.

A seguradora e operadora de saúde informou ao mercado na manhã desta quinta-feira, dia 30, que fechou acordo para compra de 100% da Sompo Saúde por 230 milhões de reais. A aquisição reforça a estratégia de crescimento da companhia.

A Sompo Saúde atende cerca de 116.000 beneficiários e possui forte presença no estado de São Paulo, afirmou a SulAmérica em fato relevante ao mercado. A SulAmérica, por sua vez, contava com 4,5 milhões de beneficiários de saúde e odonto ao fim do terceiro trimestre deste ano.

A transação reforça a posição de relevância da SulAmérica na cidade de São Paulo e região metropolitana nas categorias de planos coletivos empresariais, inclusive para pequenas e médias empresas, e adiciona cerca de 650 milhões de reais anuais em receitas, disse a empresa.

A SulAmérica teve 15,6 bilhões de reais em receitas nos nove primeiros meses deste ano.

"Esse importante passo estratégico permitirá também o avanço de nosso market share em nosso principal nicho de atuação nessa relevante região", afirmou o presidente executivo da SulAmérica, Ricardo Bottas.

Analistas do J.P. Morgan avaliaram o anúncio da SulAmérica como fator importante para o sucesso da companhia no longo prazo, em meio à consolidação rápida de hospitais e outros competidores na área de saúde.

O contrato de aquisição foi celebrado entre uma empresa controlada pela SulAmérica e a Sompo Seguros, que controla a Sompo Saúde e é subsidiária do grupo japonês Sompo Holdings.

A conclusão da compra depende da aval de órgãos reguladores.

(Com a Reuters)