PetroRecôncavo levanta R$ 1 bi em follow-on e mira compra de Polo Bahia Terra

Lote suplementar que aumentaria oferta em até 35 milhões de ações não foi incluído
Barris de Petróleo: Dinheiro será usado para expandir operações (Foto/Thinkstock)
Barris de Petróleo: Dinheiro será usado para expandir operações (Foto/Thinkstock)
D
Da RedaçãoPublicado em 15/06/2022 às 08:31.

A PetroRecôncavo (RECV3) levantou R$ 1,034 bilhão em oferta subsequente (follow-on) realizada na B3. O preço das 44 milhões de ações emitidas pela companhia saiu por R$ 23,50 cada -- 1,43% abaixo da cotação de fechamento do último pregão. A empresa informou que o lote complementar não foi incluído.

A porção suplementar acrescentaria a oferta com a emissão de até 27 milhões de ações pela PetroRecôncavo e a venda de até 8 milhões de ações de titularidade da PetroSantander, uma das maiores acionistas da empresa, com um terço do capital.

A PetroRecôncavo informou que os recursos levantados na oferta serão destinados a potenciais aquisições de ativos  que possam contribuir para a estratégia de expansão da companhia, "tais como a do Polo Bahia Terra", que pertence hoje à Petrobras. A compra do Polo Bahia Terra é vista pelo mercado com um passo crucial para o crescimento da PetroRecôncavo.

O processo de compra está sendo realizada em conjunto com a Eneva. A Petrobras, porém, informou na última sexta-feira, 10, ter sido intimada por uma decisão liminar do TJ-RJ para paralisar as negociações de venda do ativo com o consórcio formado pela PetroRecôncavo e Eneva.

Quer aprender a investir nas principais commodities brasileiras? Faça este curso gratuito da EXAME Academy com a B3