Acompanhe:

Petrobras encerra processo competitivo para venda da Usina Termelétrica de Canoas

A UTE Canoas é um ativo da Petrobras localizada no município de Canoas (RS). A usina é bicombustível, podendo operar com gás natural ou óleo diesel, com potência instalada de 249 MW

 (MAURO PIMENTEL/Getty Images)

(MAURO PIMENTEL/Getty Images)

E
Estadão Conteúdo

Publicado em 1 de dezembro de 2022, 08h35.

Última atualização em 1 de dezembro de 2022, 09h17.

A Petrobras informou que sua diretoria-executiva aprovou o encerramento do processo competitivo para venda da Usina Termelétrica de Canoas (UTE Canoas). Em comunicado enviado à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), a empresa afirma que apesar dos esforços envidados nesse processo, não foi possível obter condições comerciais adequadas para a concretização da transação, optando-se pelo seu encerramento.

A Petrobras diz que avaliará seus próximos passos relacionados ao desinvestimento do ativo em questão. "A companhia segue reavaliando periodicamente seu portfólio de ativos e reforça o seu compromisso com a ampla transparência dos processos de desinvestimentos e de gestão de seu portfólio. A UTE Canoas é um ativo da Petrobras localizada no município de Canoas (RS). A usina é bicombustível, podendo operar com gás natural ou óleo diesel, com potência instalada de 249 MW.

LEIA TAMBÉM: