Latam lidera mercado de aviação em agosto com 40% de participação

Companhia foi seguida por Gol com 30,9% e Azul com 28,75%
Segundo a autarquia, a ocupação das aeronaves em voos domésticos, em agosto, atingiu 81,4% (Delta Air Lines/Divulgação)
Segundo a autarquia, a ocupação das aeronaves em voos domésticos, em agosto, atingiu 81,4% (Delta Air Lines/Divulgação)
E
Estadão Conteúdo

Publicado em 30/09/2022 às 18:34.

Última atualização em 30/09/2022 às 19:05.

A Latam liderou o mercado em agosto com 40% de participação, seguida da Gol (30,9%) e da Azul (28,75%), informou a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). Segundo a autarquia, a ocupação das aeronaves em voos domésticos, em agosto, atingiu 81,4%, alta de 1,8% sobre igual intervalo do ano anterior e queda de 1,2% sobre agosto de 2019.

No mercado doméstico, o número de passageiros pagos transportados em agosto atingiu 7,3 milhões, 92,4% do total registrado no mesmo intervalo de 2019. Na comparação com agosto de 2021, o indicador de passageiros apresentou crescimento de 31,2%.

A demanda (medida por passageiros-quilômetros pagos transportados, ou RPK) e a oferta (em assentos-quilômetros ofertados, ou ASK) no mercado doméstico, em agosto, se mantiveram praticamente no mesmo patamar registrado há três anos com retração de 1,3% e 0,1%, respectivamente, informa a Anac. Sobre o mesmo período de 2021, houve alta de 25,8% e 23,7%, respectivamente.

Os aeroportos brasileiros movimentaram, em voos internacionais, mais de 1,4 milhão de passageiros em agosto. Segundo a Anac, embora o indicador tenha apresentado redução de 30% em relação ao resultado obtido em 2019, na comparação anual houve crescimento de 267%.

No mês passado, o volume de carga e correio despachados registrou crescimento de 24,3% sobre igual intervalo de 2019. Frente a 2021, houve redução de 1%.

Leia também: 

Ibovespa fecha setembro no positivo, com salto de 2,2% antes de eleição

Meta (M1TA34) corta funcionários pela primeira vez na história e Facebook vai "encolher"