• AALR3 R$ 19,75 0.00
  • AAPL34 R$ 74,65 1.01
  • ABCB4 R$ 16,47 -0.42
  • ABEV3 R$ 14,75 1.44
  • AERI3 R$ 4,44 18.40
  • AESB3 R$ 10,73 0.85
  • AGRO3 R$ 31,86 -0.62
  • ALPA4 R$ 21,68 -0.55
  • ALSO3 R$ 19,94 1.27
  • ALUP11 R$ 26,32 0.27
  • AMAR3 R$ 2,40 7.62
  • AMBP3 R$ 29,41 -1.14
  • AMER3 R$ 23,70 2.82
  • AMZO34 R$ 73,23 1.29
  • ANIM3 R$ 5,56 3.35
  • ARZZ3 R$ 82,92 0.52
  • ASAI3 R$ 15,36 -0.78
  • AZUL4 R$ 21,17 2.37
  • B3SA3 R$ 11,30 -1.48
  • BBAS3 R$ 35,58 1.34
  • AALR3 R$ 19,75 0.00
  • AAPL34 R$ 74,65 1.01
  • ABCB4 R$ 16,47 -0.42
  • ABEV3 R$ 14,75 1.44
  • AERI3 R$ 4,44 18.40
  • AESB3 R$ 10,73 0.85
  • AGRO3 R$ 31,86 -0.62
  • ALPA4 R$ 21,68 -0.55
  • ALSO3 R$ 19,94 1.27
  • ALUP11 R$ 26,32 0.27
  • AMAR3 R$ 2,40 7.62
  • AMBP3 R$ 29,41 -1.14
  • AMER3 R$ 23,70 2.82
  • AMZO34 R$ 73,23 1.29
  • ANIM3 R$ 5,56 3.35
  • ARZZ3 R$ 82,92 0.52
  • ASAI3 R$ 15,36 -0.78
  • AZUL4 R$ 21,17 2.37
  • B3SA3 R$ 11,30 -1.48
  • BBAS3 R$ 35,58 1.34
Abra sua conta no BTG

Inter desiste de listagem na Nasdaq, mas migração pode voltar em 2022

Pedidos de resgate de units e ações por acionistas na B3 superam o teto estipulado de R$ 2 bilhões; companhia pode convocar assembleia no próximo ano e fixar novos termos de troca
Entrada do prédio onde fica a sede do Banco Inter, em Belo Horizonte | Foto: Divulgação (Divulgação/Inter)
Entrada do prédio onde fica a sede do Banco Inter, em Belo Horizonte | Foto: Divulgação (Divulgação/Inter)
Por Da RedaçãoPublicado em 02/12/2021 23:09 | Última atualização em 02/12/2021 23:09Tempo de Leitura: 3 min de leitura

O Inter (BIDI11, BIDI4) anunciou nesta noite de quinta-feira, dia 2, que não vai prosseguir por enquanto com o plano de listagem de ações na Nasdaq, segundo fato relevante distribuído ao mercado.

A razão foi a ampla adesão, maior que a estipulada como teto, da base de acionistas ao direito de resgate de units e ações em troca de dinheiro (cash-out) no processo de migração da B3 para a Nasdaq. O prazo para manifestar o desejo de exercer o resgate expirava nesta quinta.

O Inter havia informado no processo de reorganização societária que, caso o volume de resgates superasse a marca de 2 bilhões de reais, poderia desistir de levar adiante a operação, o que acabou acontecendo.

Pela oferta na mesa, o banco pagaria 45,84 reais por unit (BIDI11) ou por três ações preferenciais (BIDI4) aos acionistas que optassem pelo resgate, valor 39% acima do fechamento desta quinta, de 32,99 reais por unit.

O prêmio tão elevado de quase 40% se deu porque o preço fixado levou em conta uma média da ação em 30 pregões anteriores até 27 de outubro, antes da forte queda que levou o preço de tela para a casa de 30 reais.

Com o cancelamento da reorganização, as units e as ações do Inter continuam a ser negociadas na B3, mas o processo pode ser retomado em 30 dias com a convocação de nova assembleia para deliberação pelos acionistas. Nesse caso, o preço para o resgate deverá levar em conta preços mais próximos aos atuais, o que reduziria o tamanho do desembolso.

Razões para a migração

Caso o pedido ao direito de resgate nesta quinta não superasse a marca de 2 bilhões de reais, o Inter concluiria o processo de reorganização societária até o fim deste mês, com a estreia na Nasdaq no dia 28.

Quem optasse, em vez do resgate em dinheiro, por continuar como acionista receberia um BDR do Inter atendidas as seguintes condições: a cada unit ou a cada três ações preferenciais (BIDI4) ou ordinárias (BIDI3) que tivesse.

Em um segundo momento, esses BDRs poderiam ser convertidos em ações de Classe A na Nasdaq.

O Inter havia decidido mudar seu principal local de listagem para os Estados Unidos para ter "mais acesso aos mercados de capitais globais e, potencialmente, uma base de investidores maior e mais diversa", disse o banco.

Outra razão foi a "permissão [no mercado de capitais americano] de emissão de ações com voto plural, com o objetivo de permitir futuros aumentos de capital que serão necessários para o crescimento e assegurar a obrigação regulatória de controle definido no Inter."

(Com a Reuters)