Acompanhe:

Gol obtém financiamento de US$ 80 milhões para compra de novos motores

Companhia diz que aquisição vai dar flexibilidade para renovação da frota e ajudar a reduzir custos da operação

Gol: novos motores devem aumentar produtividade e reduzir custos (Germano Lüders/Exame)

Gol: novos motores devem aumentar produtividade e reduzir custos (Germano Lüders/Exame)

R
Raquel Brandão

13 de outubro de 2022, 09h12

A Gol (GOLL4) obteve uma linha de financiamento de US$ 80 milhões com a Apollo PK AirFinance para comprar nove motores spare da fabricante franco-americana CFM.

Os motores da CFM são utilizados nos modelos Boeing 737, que compõem a frota da companhia aérea brasileira, e também em modelos da Airbus. Os nove motores novos são compostos por 1 LEAP-1B25 e 8 CFM56-7B27 que equiparão as frotas de Boeing 737-MAX e Boeing 737-NG, respectivamente, explica a empresa. A entrega está prevista ainda para este ano.

Segundo a Gol, a transação irá proporcionar flexibilidade operacional adicional para a renovação da frota e apoiará o aumento da produtividade e redução dos custos unitários.

"Esse financiamento diversifica ainda mais os financiamentos de investimentos da Gol a custos
competitivos e reduz o caixa necessário para a renovação da frota."

A taxa de juros all-in é de aproximadamente 7% ao ano, e o prazo de amortização é de cinco anos. Os recursos originados pela transação cobrirão a totalidade do custo de aquisição dos motores, descontados dos adiantamentos (pre-delivery payments) já realizados pela Gol.