Exame logo 55 anos
Remy Sharp
Acompanhe:

Adaptação, estratégia e visão de mercado. Os últimos anos foram desafiadores no mercado financeiro e exigiram cada vez mais dos gestores de fundos de investimento. No mercado externo já havia uma preocupação com o aumento de juros e inflação. A situação piorou com uma possível crise bancária, que pode levar turbulência ao mercado de crédito e investimentos.

Internamente, os desafios não são poucos. Incertezas e indefinições foram turbinadas por um novo governo. Na falta de projetos concretos para o longo prazo, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva e seus assessores mais próximos esquentam o noticiário com pautas que ampliam ainda as dúvidas sobre a política fiscal. Separar o som do ruído é uma tarefa para os mais experientes gestores de investimento do Brasil. Para entregar retornos acima da concorrência, as melhores assets do país precisam escrutinar o cenário macro e transformar a leitura em ações micro para o curto, o médio e o longo prazo.

Em momentos tão desafiadores, é importante reconhecer aqueles que conseguem servir de norte e demonstrar que é possível manter o crescimento mesmo em condições adversas. É nesse contexto que a EXAME realizou na noite desta terça-feira, 21, em São Paulo, a premiação Melhores do Mercado 2023, o mais completo e tradicional ranking de fundos de investimento do país, com mais de duas décadas de tradição e credibilidade.

O ranking destacou, homenageou e premiou os gestores dos melhores fundos de investimento do país nos últimos dois anos.

Para chegar aos premiados, a EXAME definiu, com a ajuda de especialistas do mercado, uma metodologia que levou em consideração três fatores principais: performance, consistência do resultado e gestão de risco.

A elaboração do ranking a partir da metodologia da EXAME em parceria com o BTG Pactual (mesmo grupo controlador da EXAME). Os fundos foram divididos em seis categorias, segundo a estratégia:

  • Renda Fixa Crédito Privado High Grade
  • Renda Fixa Debêntures Incentivadas
  • Multimercado Macro
  • Multimercado Long Short & Equity Hedge
  • Ações Long Bias
  • Ações Long Only

Por fim, o prêmio de “Asset do Ano” para a gestora com desempenho mais destacado em diferentes categorias em 2022. Foram analisados cerca de 1,2 mil fundos que atenderam a critérios preestabelecidos, como PL (patrimônio líquido) mínimo na data de corte, médio e mínimo no período de análise e o fato de serem fundos abertos, entre outros. Confira abaixo os vencedores em cada categoria:

Renda fixa - Crédito Privado High Grade

  1. Icatu Vanguarda
  2. ARX Everest
  3. Safra Asset

Renda fixa - Debêntures Incentivadas

  1. Icatu Vanguarda Infra
  2. BTG Pactual Infra Inflação
  3. AZ Quest Debêntures Incentivadas

Multimercado - Macro

  1. ASA Hedge
  2. Absolute Vertex
  3. Vinland Macro Plus

Multimercado - Long Short & Equity Hedge

  1. Ibiuna Long Short STLS
  2. Sharp Long Short 2x
  3. Navi Long Short

Ações - Long Bias

  1.  Ibiuna Long Biased
  2. Navi Long Biased
  3. SPX Falcon

Ações - Long Only

  1. Navi Cruise
  2. Real Investor
  3. 3G Radar

Asset do Ano

  • Ibiuna Investimentos

Créditos

Últimas Notícias

ver mais
Seacrest planeja 300 novos poços de petróleo e gás no Brasil
seloMercados

Seacrest planeja 300 novos poços de petróleo e gás no Brasil

Há 4 horas
Nova alta do Fed? Inflação quente nos EUA coloca possibilidade na mesa em junho ou julho
seloMercados

Nova alta do Fed? Inflação quente nos EUA coloca possibilidade na mesa em junho ou julho

Há 7 horas
Primeiro calote da história: o que acontece caso os EUA entrem em 'default'?
seloMercados

Primeiro calote da história: o que acontece caso os EUA entrem em 'default'?

Há 10 horas
Dados, IA e super app: as estratégias do Inter para atrair 26 milhões de clientes
seloMercados

Dados, IA e super app: as estratégias do Inter para atrair 26 milhões de clientes

Há 11 horas
icon

Branded contents

ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

leia mais