EUA irão liberar 30 milhões de barris de petróleo de reserva estratégica

Ação é parte de um esforço internacional para estabilizar o mercado após a invasão da Ucrânia pela Rússia
 (AFP/AFP)
(AFP/AFP)
Por AFPPublicado em 02/03/2022 07:33 | Última atualização em 02/03/2022 07:33Tempo de Leitura: 1 min de leitura

Os Estados Unidos irão liberar 30 milhões de barris de petróleo de sua reserva estratégica, como parte de um esforço internacional para estabilizar o mercado após a invasão da Ucrânia pela Rússia, disse o presidente Joe Biden nesta terça-feira.

"Os Estados Unidos trabalharam com 30 outros países para liberar 60 milhões de barris de petróleo das reservas em todo o mundo. Os Estados Unidos irão liderar esse esforço, liberando 30 milhões de barris", anunciou Biden ao Congresso, em seu primeiro discurso do Estado da União, acrescentando que Washington está "pronta para fazer mais, se necessário".

O barril do Brent ultrapassou a barreira de US$ 110 nesta quarta-feira e o WTI subiu mais de 5%, em meio à escalada dos preços do petróleo devido à invasão à Ucrânia.

O Brent subiu 4,88%, a US$ 110,09, e o WTI, 5,06%, a US$ 108,64. Em ambos os casos, é o preço mais alto em mais de sete anos.