Live icon 

Acompanhe ao vivo:  

Apuração das eleições 2022 em tempo real! Veja agora.

Embraer dispara 16% na bolsa com anúncio de listagem da Eve nos EUA

Subsidiária produtora de aeronaves elétricas foi avaliada em 2,9 bilhões de dólares
Mercado de "carros voadores" impulsiona ações da Embraer | Foto: David Becker/Reuters (David Becker/Reuters)
Mercado de "carros voadores" impulsiona ações da Embraer | Foto: David Becker/Reuters (David Becker/Reuters)
Beatriz Quesada
Beatriz Quesada

Publicado em 21/12/2021 às 11:22.

Última atualização em 21/12/2021 às 18:31.

As ações da Embraer dispararam 16,02%nesta terça-feira, 21, com investidores reagindo à notícia de que sua subsidiária Eve será listada na Bolsa de Nova York (NYSE). A transação avalia a produtora de aeronaves elétricas em 2,9 bilhões de dólares.

A transação é positiva para os acionistas da Embraer, uma vez que a brasileira continuará controlando a Eve com 82% de participação (direta e indireta) na empresa. Segundo os analistas do Bradesco BBI, a operação pode colocar o valor das ações da empresa em 18,70 reais, o que representa um potencial de valorização (upside) de 87% frente ao preço de fechamento da véspera.

Vale lembrar que a Embraer é uma das ações que mais subiu no ano de 2021, acumulando alta de mais de 130%. Grande parte dos ganhos veio, justamente, da entrada da empresa no mercado de “carros voadores”. Os eVolts, aeronaves elétricas de pouso e decolagem verticais, são o grande foco de atuação da Eve.

Entenda a operação

A Eve deve chegar à bolsa americana após fusão com a SPAC norte-americana Zanite, que é listada na NYSE. Bastante comuns no mercado americano, as SPACs são companhias de “cheque em branco”, que captam o dinheiro junto aos investidores para adquirir uma segunda empresa. 

A transação incluiu num primeiro passo a fusão com Zanite, que cede seu lugar à Eve na bolsa. Depois disso, a Eve receberá um investimento adicional de um grupo que inclui a Embraer, a Zanite, investidores financeiros e parceiros estratégicos como a Azorra Aviation, BAE Systems, Republic Airways, Rolls-Royce e SkyWest Melbourne. 

Ao final da operação, a Eve terá uma posição de caixa de 512 milhões de dólares, que será usada para desenvolver seu negócio de táxi aéreo elétrico.