• AALR3 R$ 20,01 -0.30
  • AAPL34 R$ 70,99 3.76
  • ABCB4 R$ 16,93 1.62
  • ABEV3 R$ 14,23 0.14
  • AERI3 R$ 3,76 -0.53
  • AESB3 R$ 10,81 -1.01
  • AGRO3 R$ 31,09 -1.11
  • ALPA4 R$ 22,80 2.84
  • ALSO3 R$ 19,15 1.59
  • ALUP11 R$ 26,48 -0.08
  • AMAR3 R$ 2,52 -2.70
  • AMBP3 R$ 31,84 -1.58
  • AMER3 R$ 21,57 0.33
  • AMZO34 R$ 3,52 4.14
  • ANIM3 R$ 5,51 -0.72
  • ARZZ3 R$ 83,00 2.13
  • ASAI3 R$ 15,78 -1.93
  • AZUL4 R$ 20,92 -0.14
  • B3SA3 R$ 12,68 2.18
  • BBAS3 R$ 37,07 -1.04
  • AALR3 R$ 20,01 -0.30
  • AAPL34 R$ 70,99 3.76
  • ABCB4 R$ 16,93 1.62
  • ABEV3 R$ 14,23 0.14
  • AERI3 R$ 3,76 -0.53
  • AESB3 R$ 10,81 -1.01
  • AGRO3 R$ 31,09 -1.11
  • ALPA4 R$ 22,80 2.84
  • ALSO3 R$ 19,15 1.59
  • ALUP11 R$ 26,48 -0.08
  • AMAR3 R$ 2,52 -2.70
  • AMBP3 R$ 31,84 -1.58
  • AMER3 R$ 21,57 0.33
  • AMZO34 R$ 3,52 4.14
  • ANIM3 R$ 5,51 -0.72
  • ARZZ3 R$ 83,00 2.13
  • ASAI3 R$ 15,78 -1.93
  • AZUL4 R$ 20,92 -0.14
  • B3SA3 R$ 12,68 2.18
  • BBAS3 R$ 37,07 -1.04
Abra sua conta no BTG

Clube recebe Constantino, da Ryo: Smart Fit ainda tem muito para crescer

Fundador da Ryo Asset explica por que investe na maior rede de academias da América Latina no videocast da EXAME Invest
Luiz Constantino: sócio fundador da Ryo Asset | Foto: EXAME/Reprodução/YouTube (Divulgação/Youtube/ Exame)
Luiz Constantino: sócio fundador da Ryo Asset | Foto: EXAME/Reprodução/YouTube (Divulgação/Youtube/ Exame)
Por Da RedaçãoPublicado em 27/01/2022 10:24 | Última atualização em 27/01/2022 12:19Tempo de Leitura: 3 min de leitura

Se fosse para escolher apenas uma ação para segurar para os próximos meses, a escolha de Luiz Constantino, sócio-fundador da Ryo Asset, seria a da Smart Fit (SMFT3). A revelação foi feita em sua participação no Clube, videocast da EXAME Invest apresentado por Daniel Cunha, da área de Sales do BTG Pactual (BPAC11), e Bruno Lima, head de análise de ações do BTG Pactual digital.

Constantino fundou a Ryo Asset em 2021, depois de 16 anos em uma das gestoras mais tradicionais do mercado, o Opportunity, casa em que cuidou das estratégias do Opportunity Selection e do Opportunity Long Biased.

A Smart Fit, segundo Constantino, tem um dos maiores potenciais de crescimento da bolsa, mesmo já sendo líder do setor de academias na América Latina. ”No Brasil, por exemplo, ela é seis vezes maior que a principal concorrente. É uma diferença grande. Pelo que temos visto, ela tem espaço para ganhar ainda mais market share”, afirma. 

O tamanho, pontua, é uma das principais vantagens nesse mercado. “É uma indústria que precisa de muito capital para expandir: no início tem muito custo fixo e não é tão rentável. Para fazer uma expansão acelerada, precisa de financiamento -- e a Smart Fit consegue, com força de marca e escala, impulsionar suas unidades."  

Já são mil academias da Smart Fit na América Latina, das quais mais de 550 somente no Brasil, entre unidades próprias e franqueadas. “Ter as academias espalhadas por diferentes regiões faz o cliente querer usar quando está perto do trabalho ou em outra cidade. Mais de 50% dos planos da Smart Fit é o Black, que dá esse acesso [para qualquer unidade do país]. Essa capilaridade faz diferença do ponto de vista do consumidor”, apontou o gestor.

Quer conhecer os fundos da Ryo Asset? Acesse gratuitamente a plataforma do BTG Pactual

A liderança de mercado, segundo Constantino, ainda proporciona à Smart Fit a oportunidade de se instalar nos melhores pontos nas cidades. “É natural que sejam oferecidos a ela primeiro, por ser a marca mais consolidada. Há uma relevância muito grande em pontos de shoppings e supermercados, porque nesses locais não se pode ter três academias. Então vão oferecer para aqueles que sabem que tem uma marca consolidada.”

As ações da Smart Fit acumulam queda de 25% desde o IPO, realizado há menos de um ano. As perdas superam 40%, considerando o preço negociado em seu primeiro dia de pregão. 

Parte da desvalorização, para o fundador Ryo Asset, se deve aos efeitos da variante Ômicron, que retardou processos de reabertura. Para este ano, Constantino espera que a empresa retome os índices de ocupação em suas academias. 

“Antes da variante Ômicron houve uma retomada grande. A base de clientes por academia da Smart Fit está em 75% do que era antes da pandemia. No exterior, empresas como Planet Fitness e Basic Fit estão com mais de 90%. No Chile, a Smart Fit já está acima da base anterior.”

No 14º episódio do Clube, Constantino ainda falou, entre outros assuntos, sobre sua tese de investimento na Arcos Dorados, holding responsável pela operação  das lanchonetes do McDonald's na América Latina.

Assista ao Clube com Luiz Constantino, sócio-fundador da Ryo Asset: