Invest

Calendário de dividendos: as ações que pagam proventos em julho de 2023

Empresas como Itaú, Bradesco e Santos Brasil distribuem dividendos e JCP neste mês

Dividendos e JCP: veja quais empresas distribuem proventos neste mês (Guido Mieth/Getty Images)

Dividendos e JCP: veja quais empresas distribuem proventos neste mês (Guido Mieth/Getty Images)

Da Redação
Da Redação

Redação Exame

Publicado em 5 de julho de 2023 às 18h50.

Última atualização em 5 de julho de 2023 às 18h59.

Investidores de empresas como Itaú (ITUB4), Bradesco (BBDC4) e Santos Brasil (STBP3) são alguns dos que devem receber proventos no mês de julho em forma de dividendos ou juros sobre capital próprio (JCP).

Dividendos e JCP são duas formas distintas de remuneração aos acionistas de uma empresa. A principal diferença entre eles é que os dividendos são isentos de imposto de renda para pessoa física, enquanto os JCP têm uma alíquota de 15%.

Veja abaixo o calendário de distribuição de dividendos e JCP para o mês de julho:

O que são dividendos?

Os dividendos representam uma forma de remuneração para os acionistas, que detêm uma participação societária na empresa, e consistem em uma fração do lucro distribuído pela companhia.

Em geral, as empresas distribuem pelo menos 25% do lucro líquido ajustado aos acionistas, embora este percentual não seja legalmente exigido e possa ser definido pela empresa em seu estatuto social, podendo ser maior ou menor que esse patamar-padrão.

O que são juros sobre capital próprio?

Juros sobre capital próprio (JCP) são um tipo de provento que é distribuído aos acionistas pelas companhias. Assim como os dividendos, os JCP são uma forma de distribuir seus lucros aos seus acionistas ao longo de seu exercício. 

Além disso, é importante notar que esse tipo de provento é uma invenção brasileira, funcionando como juros que a empresa deve aos sócios por emprestarem capital. 

De fato, a maioria das empresas precisa de recursos para conseguir manter suas operações e crescer no início. O JCP seria, portanto, uma recompensação pelo empréstimo.

Como escolher ações?

Uma das formas mais eficazes de avaliar se vale a pena ou não comprar ações de determinada empresa, é acompanhar a divulgação de seus resultados. Afinal, além da política macroeconômica e da percepção de mercado sobre a companhia, os números que ela apresenta influenciam diretamente o desempenho de seus papéis na bolsa.

Para ter acesso a estes resultados, os investidores devem olhar para dois documentos divulgados trimestralmente, durante a chamada temporada de balanços, pelas empresas: o balanço patrimonial e a Demonstração do Resultado do Exercício (DRE).

Neles, é possível encontrar informações importantes para o processo de avaliação de uma empresa, como receita, lucro líquido, despesas, linhas operacionais, entre outras. Saiba mais aqui.

Veja também

Acompanhe tudo sobre:DividendosJurosEmpresas abertas

Mais de Invest

Cade abre procedimento para apurar acordo de codeshare da Azul e Gol

Quem ganha e quem perde no mercado no caso da vitória de Trump?

Eletrobras (ELET6): recompra de ações pode gerar ganho para os acionistas?

China estabelece fundo de investimentos em ativos de terra de empresas estatais de 30 bilhões yuans

Mais na Exame