Brasil emite US$1,5 bilhão em bônus de 30 anos, diz Tesouro

Segundo o Tesouro Nacional, o governo emitiu 1,5 bilhão de dólares em bônus de 30 anos, com rendimento de 5,875 por cento ao ano

Brasília - O governo brasileiro emitiu 1,5 bilhão de dólares em bônus de 30 anos, com rendimento de 5,875 por cento ao ano e spread de 357,2 pontos básicos acima dos títulos de referência dos Estados Unidos, informou o Tesouro Nacional nesta quinta-feira.

O Global 2047 carrega cupom de 5,625 por cento ao ano, tendo sido colocado ao preço de 96,464 por cento do valor de face.

O rendimento saiu na parte inferior da orientação de preços, de 5,9 por cento, mais ou menos 2,5 pontos básicos, segundo dados do IFR, serviço da Thomson Reuters.

Essa foi a segunda captação externa feita pelo Brasil neste ano e a primeira com o governo sob o comando do presidente interino Michel Temer. A expectativa do governo é que a emissão possa animar empresas a se financiar nos mercados externos nos próximos meses, disseram à Reuters duas fontes do governo.

Em março, o Tesouro emitiu 1,5 bilhão de dólares em bônus de 10 anos, com rendimento de 6,125 por cento ao ano, ainda no governo da presidente afastada Dilma Rousseff. À época, o spread ficou 419,6 pontos básicos acima dos títulos de referência dos EUA.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 1,90

Nos três primeiros meses,
após este período: R$ 15,90

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.
Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.