Bradespar não pagará primeira parcela de remuneração a acionistas

Motivo seria o não atendimento de requisitos previstos
Bradespar divulga seus resultados referentes ao terceiro trimestre no dia 13 de novembro. (foto/Reprodução)
Bradespar divulga seus resultados referentes ao terceiro trimestre no dia 13 de novembro. (foto/Reprodução)
T
Tais Laporta

Publicado em 01/11/2019 às 16:14.

Última atualização em 01/11/2019 às 16:17.

A empresa de investimentos controlada pelo Bradesco, Bradespar, informou que não fará o pagamento da primeira parcela da remuneração anual de seus acionistas. O motivo seria o não atendimento de requisitos previstos, segundo comunicado assinado pelo diretor de relações com investidores Fernando Jorge Buso Gomes.

"A companhia continuará avaliando a evolução do resultado do exercício social em curso e do seu fluxo de caixa livre para aferir a viabilidade de submeter, até o fechamento do resultado ou previamente à próxima Assembleia Geral Ordinária dos acionistas da Companhia, proposta para
pagamento de dividendos e/ou juros sobre o capital próprio", informou em fato relevante.

A ação da Bradespar (BRAP3) operava em alta de 1,87%, negociada a 29,39 reais, às 16h10 desta sexta-feira (1). A empresa divulga seus resultados referentes ao terceiro trimestre no dia 13 de novembro.