Ações da GOL sobem após formação de holding com a Avianca

Empresas seguirão atuando de forma independente, com respectivas marcas e culturas, segundo fato relevante
Aviões da GOL (Germano Lüders/Exame)
Aviões da GOL (Germano Lüders/Exame)
Por Guilherme GuilhermePublicado em 11/05/2022 12:28 | Última atualização em 11/05/2022 12:28Tempo de Leitura: 1 min de leitura

As ações da GOL (GOLL4) avançam nesta quarta-feira, 11, após a empresa anunciar que seu controlador, o fundo MOBI, fechou um acordo para a formação de uma holding que também terá o comando da Avianca. As ações da companhia aérea sobem cerca de 3%, sendo negociadas próximas de R$ 13,55.

Os principais investidores da Avianca, segundo o fato relevante da GOL, serão co-controladores da holding. Entre eles estão o Kingsland International Group, Elliott International e South Lake One. A GOL e a Avianca, no entanto, continuarão operando de forma independente, com suas respectivas marcas e culturas, disse o comunicado.

Esteja sempre informado sobre as notícias que movem o mercado. Assine a EXAME por menos de R$ 11/mês

A Holding será responsável pelas estratégias, coordenação de funções e entrega de sinergias e terá como CEO Constantino de Oliveira Junior. Roberto Kriete será o presidente do Conselho de Administração.

"A operação não acarretará a obrigatoriedade de realização de uma oferta pública de aquisição de controle para os acionistas minoritários da GOL, uma vez que não haverá alienação ou transferência do controle acionário da GOL", disse a empresa em fato relevante.

O fundo MOBI e os irmãos Constantino não venderão suas participações na GOL, informou a empresa.