Exame logo 55 anos
Remy Sharp
Acompanhe:

Ações da Air France-KLM caem após custos ofuscarem lucro

Às 13h28 o papel recuava 7,2%, uma vez que a teleconferência da empresa não passou a segurança que os analistas desejavam sobre custos

Modo escuro

Continua após a publicidade
Air France-KLM: empresa se recusou a comentar sobre a previsão de custos para 2018 (Philipp Guelland/AFP)

Air France-KLM: empresa se recusou a comentar sobre a previsão de custos para 2018 (Philipp Guelland/AFP)

R
Reuters

Publicado em 3 de novembro de 2017 às, 14h00.

Última atualização em 6 de novembro de 2017 às, 08h14.

Paris/Berlim - As ações da Air France-KLM, segunda maior companhia aérea da Europa, recuavam nesta sexta-feira, com preocupações sobre suas metas de cortes de custos ofuscando os lucros mais altos no terceiro trimestre.

O papel subiu inicialmente mais de 5 por cento, devido às notícias de que o lucro operacional subiu 38,7 por cento, mas às 13h28 (horário de Brasília) o papel recuava 7,2 por cento, uma vez que a teleconferência da empresa não passou a segurança que os analistas desejavam sobre custos.

As companhias aéreas se beneficiaram este ano com um retorno dos turistas norte-americanos e asiáticos viajando para a Europa após os ataques terroristas os terem afastado. Os preços baixos do petróleo também ajudaram, mas a pressão de rivais de baixo custo se mantém um desafio.

Air France-KLM disse que planeja cortar custos unitários em 1 a 1,5 por cento este ano, mas fez algumas ressalvas.

Um operador em Londres disse que a empresa se recusou a comentar sobre a previsão de custos para 2018.

"A nova meta da administração para os custos não inclui fatores de carga e efeitos de compartilhamento de lucro, e isso é negativo", comentou um segundo operador.

O lucro do terceiro trimestre, de 1,022 bilhão de euros superou a expectativa média dos analistas, de 953 milhões de dólares, em uma pesquisa da Reuters.

"No geral, é a Air France-KLM teve bons números, mas vimos a parte de custos como negativa", escreveram analistas da corretora Goodbody.

Últimas Notícias

Ver mais
Dólar hoje: abre em alta com mercado com dados de emprego nos EUA

seloMercados

Dólar hoje: abre em alta com mercado com dados de emprego nos EUA

Há 3 horas

Privatização da Sabesp, Moody's rebaixa Hong Kong e balança da China: 3 assuntos que movem o mercado

seloMercados

Privatização da Sabesp, Moody's rebaixa Hong Kong e balança da China: 3 assuntos que movem o mercado

Há 4 horas

Petróleo fecha em baixa, com WTI abaixo de US$ 70, com dúvidas sobre aperto do mercado

seloMercados

Petróleo fecha em baixa, com WTI abaixo de US$ 70, com dúvidas sobre aperto do mercado

Há 19 horas

Mas e o IPO? ByteDance, dona do TikTok, quer recomprar US$ 5 bilhões em ações de investidores

seloMercados

Mas e o IPO? ByteDance, dona do TikTok, quer recomprar US$ 5 bilhões em ações de investidores

Há 21 horas

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Desktop investe no interior e alcança 1 milhão de clientes de internet banda larga em São Paulo

Desktop investe no interior e alcança 1 milhão de clientes de internet banda larga em São Paulo

CPFL fortalece sua estratégia ESG com compromissos ambiciosos para 2030

CPFL fortalece sua estratégia ESG com compromissos ambiciosos para 2030

Uso de dados será principal desafio na gestão de pessoas em 2024

Uso de dados será principal desafio na gestão de pessoas em 2024

Unipar é reconhecida como Empresa Pró-Ética

Unipar é reconhecida como Empresa Pró-Ética

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais