Exame logo 55 anos
Remy Sharp
Acompanhe:

Ucranianos e russos celebraram Natal ortodoxo sem cessar os combates

Militares russos dizem que pretendem continuar a trégua até a meia-noite de sábado (18h em Brasília); ucranianos questionam sinceridade do cessar-fogo

Modo escuro

Confronto: Vladimir Putin decretou trégua unilateral durante Natal (Daria ANDRIIEVSKA y Robbie COREY-BOULET en Chassiv Yar / AFP/Site Exame)

Confronto: Vladimir Putin decretou trégua unilateral durante Natal (Daria ANDRIIEVSKA y Robbie COREY-BOULET en Chassiv Yar / AFP/Site Exame)

A
AFP

Publicado em 7 de janeiro de 2023 às, 17h08.

Ucranianos e russos celebraram o Natal ortodoxo neste sábado, 7,  em meio a combates em várias frentes, apesar de o Exército russo ter garantido que respeitava a trégua unilateral decretada pelo presidente Vladimir Putin.

Os militares russos disseram que pretendem continuar a trégua até a meia-noite de sábado (18h em Brasília), conforme programado, apesar do fogo de artilharia ucraniana.

No entanto, as autoridades ucranianas questionam a sinceridade da trégua russa e acreditam que é uma tática para ganhar tempo. Estados Unidos, França, Alemanha e Reino Unido também criticaram a iniciativa.

Jornalistas da AFP presentes em Chasiv Yar, no leste da Ucrânia, confirmaram bombardeios repetidos ao longo da manhã deste sábado, 7.

Em Bakhmut, o epicentro mais ao norte dos combates, a AFP ouviu disparos em ambos os lados da frente na sexta-feira, horas após o estabelecimento do cessar-fogo unilateral decretado pela Rússia.

Últimas Notícias

ver mais
Blinken, dos Estados Unidos, adverte novo governo de Israel contra novos assentamentos
Internacional

Blinken, dos Estados Unidos, adverte novo governo de Israel contra novos assentamentos

Há 9 meses
Para essa integrante do BC europeu, guerra não muda política monetária
Internacional

Para essa integrante do BC europeu, guerra não muda política monetária

Há um ano
Sob ataque russo, Mariupol espera Cruz Vermelha para evacuar civis
Internacional

Sob ataque russo, Mariupol espera Cruz Vermelha para evacuar civis

Há um ano
Argentina chega a acordo com a China e entra para a Nova Rota da Seda
Internacional

Argentina chega a acordo com a China e entra para a Nova Rota da Seda

Há um ano
icon

Branded contents

ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

leia mais