Inteligência Artificial

Startup de redes neurais para marketing Pixis capta US$ 85 milhões

A plataforma de IA anteriormente recebeu US$ 209 milhões impulsionada pelo Softbank

Pixis: desde a sua criação, a empresa cresceu 600% (Pixie/Reprodução)

Pixis: desde a sua criação, a empresa cresceu 600% (Pixie/Reprodução)

André Lopes
André Lopes

Repórter

Publicado em 14 de setembro de 2023 às 14h43.

Última atualização em 14 de setembro de 2023 às 14h48.

A Pixis, plataforma alimentada por inteligência artificial (IA) que auxilia marcas na monitorização e orquestração de suas campanhas de marketing, anunciou a captação de US$ 85 milhões em uma rodada de financiamento da série C1.

A liderança do investimento ficou a cargo da Touring Capital, com participação do Grupo Carso, General Atlantic, Celesta Capital e Chiratae Ventures.

Com este novo aporte, a Pixis alcança um total de US$ 209 milhões em fundos levantados. O movimento ocorre em um momento em que profissionais de marketing estão cada vez mais interessados no potencial da IA para aprimorar suas campanhas publicitárias.

Uma pesquisa recente do The Conference Board revelou que a maioria dos profissionais da área já incorporou a IA em suas rotinas diárias, com expectativas de que a tecnologia continue a impulsionar a produtividade.

Neste trimestre, a Pixis atingiu a marca de US$ 50 milhões em receita recorrente anual, contando com mais de 200 marcas em sua carteira, como DHL, Joe & The Juice, Sears e Swiggy. A empresa registrou um crescimento de 140% em 2023 e projeta alcançar a lucratividade no quarto trimestre.

Shubham Mishra, co-fundador e CEO da Pixis, destacou a mudança nas prioridades organizacionais após a pandemia, com foco em rentabilidade e crescimento sustentável.

Mishra, juntamente com os co-fundadores Hari Valiyath e Vrushali Prasade, inicialmente pesquisavam IA generativa para criar arte e modelar ativos para jogos. No entanto, ao perceberem o potencial mercado de IA para marketing, decidiram mudar o foco.

O resultado foi a criação da Pixis, uma plataforma completa para geração de ativos de marketing, segmentação dinâmica de clientes e monitoramento em tempo real de campanhas.

A plataforma Pixis se divide em três pilares: segmentação, criação e desempenho. Utilizando IA, a empresa identifica e converte públicos-alvo, gera ativos como textos e imagens e oferece ferramentas automatizadas para otimizar campanhas publicitárias.

Recentemente, a Pixis lançou uma ferramenta de chatbot chamada Pixis Analyze e prepara o lançamento do Creative Studio, uma suíte de edição para aprimorar a saída de mídia de seus modelos de IA.

Os recursos da recente rodada de financiamento serão destinados ao desenvolvimento e pesquisa da Pixis, expansão de infraestrutura e formação de parcerias estratégicas. A empresa também planeja expandir sua equipe, com foco nas equipes de vendas e desenvolvimento de negócios nas Américas, e está considerando uma aquisição no quarto trimestre.

Acompanhe tudo sobre:Inteligência artificialStartupsVenture capital

Mais de Inteligência Artificial

Loft apresenta simulador com IA no WhatsApp que encurta prazo de financiamento de 60 para 30 dias

OpenAI lança GPT-4o Mini, um modelo mais leve e acessível para desenvolvedores

O Brasil entre a inovação e a colonização digital

Nova IA na China deverá conter 'valores socialistas', diz Financial Times; entenda

Mais na Exame