Inteligência Artificial

A reinvenção do Google Maps: nova atualização do app turbina recursos com inteligência artificial

Atualizações incluem melhorias na interface de navegação, informações adicionais para motoristas de veículos elétricos e expansão de recursos em diversas cidades

UKRAINE - 2023/02/21: In this photo illustration, the Google Maps logo is seen on a smartphone screen. (Photo Illustration by Pavlo Gonchar/SOPA Images/LightRocket via Getty Images) (Pavlo Gonchar/SOPA Images/LightRocket /Getty Images)

UKRAINE - 2023/02/21: In this photo illustration, the Google Maps logo is seen on a smartphone screen. (Photo Illustration by Pavlo Gonchar/SOPA Images/LightRocket via Getty Images) (Pavlo Gonchar/SOPA Images/LightRocket /Getty Images)

André Lopes
André Lopes

Repórter

Publicado em 26 de outubro de 2023 às 10h55.

Última atualização em 26 de outubro de 2023 às 11h36.

A gigante da tecnologia, Google, está atualizando o Maps com novos recursos potencializados por inteligência artificial (IA), tornando a navegação mais imersiva e a busca ainda mais eficiente. A iniciativa faz parte de um esforço da empresa para tornar o Maps semelhante ao Search, expandindo seu uso além das direções padrões.

Recentemente, a empresa lançou o "Immersive View" em mais cidades, permitindo uma experiência mais profunda do ambiente. Outras melhorias têm o objetivo de incrementar funções já existentes, como a disponibilidade de estações de carregamento para veículos elétricos.

Em meio a uma competição acirrada com gigantes como Apple e Microsoft no campo da IA, o Google aposta em seus produtos consolidados, como o Maps, para manter sua vantagem competitiva.

O Maps analisa bilhões de fotos enviadas pelos usuários para aprimorar os resultados de busca, similar ao que acontece no Google Search. A empresa também está usando campos de radiância neural, uma forma avançada de IA, para criar experiências visuais em 360 graus.

Uma preocupação atual é sobre a disponibilidade e funcionamento das estações de carregamento para veículos elétricos. O Google Maps introduziu recursos para informar aos usuários sobre o último uso de uma estação de carregamento, permitindo avaliar sua funcionalidade.

Outros destaques incluem o "Immersive View", que oferece uma visualização em 3D de locais, e a rebranding da função de realidade aumentada para "Lens in Maps". Esta última permite que os usuários usem a câmera do celular para obter informações sobre estabelecimentos próximos em tempo real.

Em termos de design, o Maps também está passando por mudanças, como cores atualizadas e edifícios mais realistas. Informações sobre faixas de rodovias e limites de velocidade também estão sendo expandidas para mais países.

O grande desafio para o Google será equilibrar a incorporação de novos recursos sem sobrecarregar a plataforma. A aposta da empresa é que os resultados impulsionados pela IA e aprimoramentos visuais diferenciem o Google Maps de concorrentes como o Apple Maps.

Acompanhe tudo sobre:GoogleGoogle MapsApps

Mais de Inteligência Artificial

5 teorias malucas para explicar o "Grande Apagão Cibernético"

Loft apresenta simulador com IA no WhatsApp que encurta prazo de financiamento de 60 para 30 dias

OpenAI lança GPT-4o Mini, um modelo mais leve e acessível para desenvolvedores

O Brasil entre a inovação e a colonização digital

Mais na Exame