Apresentado por VERITRAN

Pagamento por biometria facial: a grande novidade da Veritran

Um dos destaques dessa edição do Ciab Febraban, solução vai permitir que você compre mesmo deixando dinheiro, cartões e até o smartphone em casa
 (Veritran/Divulgação)
(Veritran/Divulgação)
e
exame.solutions

Publicado em 23/06/2021 às 09:00.

Última atualização em 14/07/2021 às 11:57.

Todo mundo já passou por isso em um supermercado, em uma farmácia ou em qualquer estabelecimento do tipo: bem quando chegou a sua vez de pagar você descobre que saiu sem a carteira. Dinheiro, cartões, esqueceu de tudo. E quem costuma fazer pagamentos por meio do smartphone certamente já descobriu – e logo na hora de efetuar uma compra longe de casa – que a bateria acabou. A única saída para qualquer situação do tipo é voltar de mãos abanando.

Não mais. Especializada em soluções digitais, a Veritran desenvolveu um novo e revolucionário serviço de pagamento digital via reconhecimento facial. Graças à tecnologia biométrica 3D, a inovação é capaz de autenticar a identidade do consumidor ao escanear o rosto dele com a ajuda de uma simples câmera USB – lembra filme de ficção científica, mas já é realidade. Com a novidade, todo mundo ficará liberado para sair de casa sem se preocupar em levar cartões, dinheiro ou celular.

O serviço faz parte do pacote Digital Payments Solutions e foi desenvolvido para bancos e fintechs que buscam revolucionar a experiência de compra e venda dos dois lados da moeda. Pode ser usado por qualquer tipo de ponto de venda e é facilmente integrado às carteiras digitais que já existem, permitindo que os comerciantes recorram a uma nova forma de recebimento por débito em conta.

“Nossa solução com biometria facial irá beneficiar tanto usuários quanto empresas, facilitando uma experiência fácil, rápida e sem atritos”, diz Wagner Martin, diretor de desenvolvimento de negócios da Veritran Brasil. “O lançamento do Pix e a chegada iminente do Open Finance quebraram enormes barreiras no sistema de pagamentos. Além dos desafios naturais da inclusão financeira e da demanda por soluções sem contato, há uma necessidade renovada de fornecer sistemas resilientes para eventualidades.”

(Arte/Exame)

Em primeira mão

Dona de uma plataforma low-code utilizada por mais de 50 clientes globais e 25 milhões de usuários, que executam todo ano 25 bilhões de transações com segurança, a Veritran escolheu o Brasil para lançar a novidade, primeiro, porque o brasileiro é conhecido por ser early adopter de serviços de tecnologia e também porque há uma grande demanda de pagamentos por biometria. Segundo um estudo da Visa publicado em 2020, mais de 90% dos consumidores brasileiros disseram que estariam mais propensos a usar biometria se a opção fosse oferecida por seus bancos ou instituições financeiras, enquanto cerca de 76% dos brasileiros disseram que, à medida que a biometria se popularizar, eles trocariam de instituição se a entidade atual não oferecer tais opções.

Aderir à nova solução vai ser mais fácil do que esquecer uma data importante. Os lojistas só terão de cadastrar o serviço por meio das instituições bancárias que decidirem oferecê-lo e integrá-lo às opções de recebimento digital. Ao consumidor bastará cadastrar sua biometria facial em um aplicativo e optar por essa forma de pagamento no próprio banco. Na hora da compra, precisará apenas informar seu CPF e confirmar sua identidade com a ajuda do escaneamento facial 3D. As chances de falsos positivos são de 0,00002%.

Em resumo, trata-se de uma solução de autenticação que oferece facilidades como melhorias no check-out, na experiência do cliente e no tempo de atendimento – para não falar do impulso nas vendas, pois permite que até quem está sem nada no bolso faça compras. Registre-se que 35% dos consumidores recorreram a algum tipo de pagamento digital no último ano. É o que concluiu uma pesquisa realizada em dezembro de 2020 pela empresa de consultoria Bain & Company.

“A pandemia acelerou notavelmente a adoção de soluções digitais, fazendo com que mudanças no comportamento de consumo que iriam demorar anos virassem realidade em questão de meses”, observa Martin. “Os consumidores estão adotando, cada vez mais, novas formas de pagamento digital e buscando constantemente opções inovadoras, o que obriga o mercado financeiro a se transformar rapidamente. É por isso que a nossa nova solução é tão oportuna”.

O novo serviço que a Veritran oferece às instituições bancárias consiste numa solução ponta a ponta que inclui as funcionalidades de cadastro biométrico (app para cadastro de consumidores finais), cobrança biométrica (app para comércios) e back office da tecnologia (para instituições bancárias).

Ela será apresentada nessa edição do Ciab Febraban, evento focado em tecnologia da informação do setor financeiro.

Clique aqui para saber mais.