Apresentado por ENEL

Novos escritórios da Enel revelam o futuro do trabalho

Maior grupo privado do setor elétrico no país inova com ambientes de trabalho mais colaborativos, inclusivos e focados no bem-estar dos colaboradores
 (Nunno Fonseca/Divulgação)
(Nunno Fonseca/Divulgação)
e
exame.solutions

Publicado em 15/10/2021 às 11:30.

Última atualização em 15/10/2021 às 11:39.

A pandemia trouxe mudanças significativas nas relações de trabalho. Evidenciou a importância do coletivo, empoderou os colaboradores, digitalizou as empresas e lançou a elas um grande desafio: tornar a retomada (ainda que parcial) aos escritórios segura, prazerosa e, sobretudo, justificável.

E foi justamente isso que fez a Enel Brasil ao inaugurar, no último dia 5, seus dois novos escritórios, em São Paulo e no Rio de Janeiro, localizados no complexo Parque da Cidade (Avenida das Nações Unidas) e no edifício Aqwa Corporate (região do Porto Maravilha), respectivamente. Com a mudança, a sede da holding, incluindo a presidência do Grupo no país, foi transferida do Rio de Janeiro para a capital paulista.

“As novas sedes refletem a atual necessidade da companhia de assegurar aos nossos colaboradores mais qualidade no ambiente de trabalho, em um espaço dedicado ao bem-estar e ao desenvolvimento das pessoas”, diz Nicola Cotugno, Country Manager da Enel no Brasil.

Os escritórios foram projetados para facilitar a rotina de quem precisa estar nele. Foi construído um ambiente integrado ao conceito Well, além da disponibilização de serviços que facilitem a vida dos colaboradores.

Bicicletas ergométricas: novos escritórios da Enel se preparam para receber certificação Well, que mede a qualidade dos ambientes para a saúde e o bem-estar de seus ocupantes (Nunno Fonseca/Divulgação)

“Os novos espaços reúnem o que há de mais moderno em engenharia corporativa e foram projetados para um modelo de trabalho híbrido, refletindo as atuais necessidades e as tendências do mundo do trabalho. As mudanças fazem parte da estratégia global da Enel de se instalar em edifícios aptos a obter a certificação Well, primeira certificação mundial centrada em pessoas e não em processos, o que auxilia a companhia a promover o bem-estar de seus colaboradores e de visitantes”, destaca Flavia Baraúna, diretora de Serviços da Enel Brasil.

Escritórios do futuro

Mais flexíveis, colaborativos e inclusivos, os novos espaços foram projetados pelo escritório de arquitetura e construção Athié Wohnrath.

Entre os destaques estão salas agile para reuniões e sessões de brainstorm, café, lounges, esteiras e bicicletas ergométricas, espaço kids para filhos de colaboradores, lactário, ambientes com muito verde e foco em boas práticas de ergonomia, iluminação eficiente e qualidade acústica.

Design biofílico: espaços com muito verde, o que aumenta a produtividade, reduz o estresse e estimula a criatividade (Nunno Fonseca)

“Não estamos falando apenas de uma mudança de prédio, mas sim de uma mudança física que materializa nosso jeito de trabalhar. Estamos cada vez mais orientados para autonomia dos times, flexibilidade de trabalho, qualidade de vida e bem-estar”, afirma Alain Rosolino, diretor de Pessoas e Organizações da Enel Brasil.

Espaço kids: tranquilidade para os colaboradores que levarem os filhos ao trabalho (Nunno Fonseca/Divulgação)

Modelo hubquarter

A digitalização das atividades na Enel Brasil foi acelerada com a pandemia, fazendo com que praticamente todas as funções administrativas na empresa possam ser desempenhadas à distância. As equipes operacionais, de campo, continuaram trabalhando nas ruas, e os colaboradores do centro de operações, na companhia, garantindo a qualidade da energia entregue aos clientes.

Os novos espaços foram projetados considerando um modelo de trabalho híbrido e dinâmico. No entanto, o retorno aos escritórios será gradual e ainda não tem data prevista para o início definitivo no novo formato.

“Estamos inaugurando no país um novo modelo de trabalho, onde o escritório funciona como um hubquarter, para atividades de integração, convivência, brainstorm de projetos”, afirma Alain. “A pandemia provou que o trabalho pode funcionar de qualquer lugar e o melhor deles sempre será aquele em que as pessoas se sintam bem e se sintam parte.”

Um sistema digital de check-in será disponibilizado para que os colaboradores reservem seus lugares, não tendo mesas e cadeiras fixas. Para a Enel Brasil, a concepção de uma sede onde as equipes e os líderes precisam estar reunidos para a tomada de decisões e para a rotina de trabalho não faz mais sentido no mundo atual. A ideia é de que a presença física dos colaboradores se justifique, por exemplo, para treinamentos, integrações entre equipes, ou mesmo sessões de inovação aberta com parceiros.

Diversidade e inclusão

Diversidade e inclusão também são dois elementos-chave nos novos escritórios, que buscam criar espaços de trabalho em que a segurança e o pertencimento são prioridade.

Além de facilitar o acesso à tecnologia, os novos ambientes serão flexíveis e adaptáveis às necessidades de cada um dos colaboradores.

Diversidade e inclusão: ambientes acessíveis e humanizados (Nunno Fonseca/Divulgação)

Um novo jeito de trabalhar (e liderar)
Flavia destaca que os colaboradores participaram ativamente da proposta de construção do novo prédio por meio de salas agile, grupos focais e pesquisas.

“A escuta ativa faz parte da filosofia da Enel não só em projetos especiais, mas no dia a dia dos relacionamentos entre líderes e colaboradores”, complementa Alain Rosolino, Diretor de Pessoas e Organizações. “Estamos construindo uma filosofia de liderança gentil, baseada na escuta ativa, no reconhecimento, na autorreflexão e na empatia, entre outros valores fundamentais na construção e no desenvolvimento de um líder gentil.”

Essa é uma nova forma, diz ele, da Enel Brasil olhar para a busca por resultados. “Um jeito mais humano, em que a gentileza não é vista como fraqueza, mas sim como a melhor maneira de entrar em sintonia com o outro e com nós mesmos.”


Certificação Well

A Enel Brasil já iniciou o processo de certificação Well para os dois novos escritórios, os primeiros do Grupo Enel na América Latina a buscar a certificação. O sistema de certificação Well é uma ferramenta pioneira no mundo criada pelo International Well Building Institute para fornecer indicadores e métricas claras para aferir a qualidade dos ambientes para a saúde e o bem-estar dos ocupantes. No Brasil, apenas duas empresas possuem a certificação atualmente.