Token do Axie Infinity duplica de valor em dois dias e tem futuro otimista

AXS teve seu valor duplicado em apenas dois dias, atingindo máxima histórica e projeções miram receita de mais de US$ 1 bilhão em 2021

O AXS, token de governança da plataforma Axie Infinity, teve seu valor duplicado desde quarta-feira, 21 de julho. Nesta sexta, a criptomoeda, que é utilizada por participantes do jogo em blockchain, atingiu nova máxima histórica, acima de 31 dólares, implicando ganho anual acumulado de mais de 5.700% — apenas nas últimas 24 horas, foram 26,6% de alta.

O Axie Infinity é um jogo de batalha e negociações baseado em blockchain que permite que seus jogadores coletem, criem, procriem, batalhem e negociem “axies”, personagens fictícios representados por NFTs.

De acordo com a pesquisa do The Tie, o jogo rapidamente se tornou uma das maiores receitas no blockchain Ethereum, atingindo números como 17.000% de crescimento desde 1º de abril, enquanto o número de usuários acelerou drasticamente no segundo trimestre do ano.

A partir de projeções, o Axie Infinity poderá finalizar o ano com receita total de mais de 1 bilhão de dólares, segundo pesquisa da Delphi Digital, que divulgou ter investido em tokens AXS e ainda que alguns membros da empresa detêm AXS e NFTs do jogo.

 (CoinDesk/Reprodução)

O protocolo ganha receita ao cobrar uma taxa de 4,25% quando os jogadores compram e vendem seus NFTs, ou “axies”, e quando geram novos "axies". As taxas são pagas em Axie Infinity Shards (AXS) e Smooth Love Potion (SLP), as duas criptomoedas da plataforma.

Enquanto o AXS é um token de governança, no qual seus donos podem tomar decisões de gestão da plataforma, através de votações, entre outros benefícios, o SLP é um token de utilidade, usado principalmente para criar novos axies. “Toda vez que os usuários criam um axie, eles consomem SLP”, disse o DappRadar.

Ambos os tokens podem ser trocados por dinheiro fiduciário ou outras criptomoedas. É assim que os gamers filipinos, venezuelanos, brasileiros e de outros países em desenvolvimento econômico estão lucrando a partir do modelo chamado “play-to-earn”, ou "jogue para lucrar".

Segundo o TheTie, o jogo está ajudando usuários filipinos a lucrar 50 dólares por dia. Isso é 66% a mais do que a média salarial do país, de 30 dólares diários.

"É impressionante o quão em alta o AXS conseguiu se tornar”, disse Denis Vinokourov, head de pesquisa na Synergia Capital.

O ecossistema de NFTs, assim como o de games em blockchain, pode acabar escapando do controle regulatório exigente porque agentes estão mais preocupados com as finanças descentralizadas (DeFi), de acordo com Vinokourov. Dan Berkovitz, comissário da Commodity Futures Trading Comission (CFTC), órgão regulador dos Estados Unidos, afirmou no último mês que os mercados DeFi para instrumentos derivativos, ou seja, contratos futuros, podem se tornar ilegais nos Estados Unidos.

O AXS possui valor de mercado de 1,85 bilhão de dólares. Já o valor de mercado para o segmento de jogos com NFTs está avaliado em 4,78 bilhões, ou apenas 10% do setor de finanças descentralizadas, segundo a Messari.

É claro que existem grandes riscos ao deter tokens AXS em uma indústria nova e volátil onde novos protocolos podem estar suscetíveis a falhas e ataques de hackers. Há ainda a chance de que o dinheiro possa circular em bitcoin e outras grandes criptomoedas, assim que altas voltem a despertar o otimismo no amplo mercado. No momento, o mercado se encontra "andando de lado", com o bitcoin travado na faixa dos 30.000 a 35.000 dólares.

Texto traduzido e republicado com autorização da Coindesk

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também