'Se você tem bitcoin, não venda', afirma Michael Saylor

CEO da MicroStrategy enxerga o bitcoin como a melhor forma de se proteger da inflação e pensa que regulação seria mais simples se a criptomoeda fosse reconhecida apenas como ativo de investimento

Michael Saylor, o bilionário fundador da empresa de inteligência empresarial que transformou a MicroStrategy em uma boa ação para investir indiretamente em bitcoin, acha que esta é a melhor moeda. Sem exceção. Mas ele não acha que vale a pena comprar café com ela.

“Você não quer pagar pelo seu café com seu bitcoin, você quer pagar pelo seu café com uma moeda [como o dólar]”, disse Saylor em uma entrevista na última quarta-feira, 1.

Saylor acredita que o bitcoin é o ativo de reserva mundial, enquanto o dólar é a moeda mundial. Essa é a principal distinção entre os dois.

A MicroStrategy de Saylor dobrou suas participações em bitcoin no quarto trimestre fiscal deste ano e agora possui 121.044 bitcoins, equivalentes a cerca de 3,6 bilhões de dólares, que ele diz que provavelmente "manterá para sempre" sem vender.

Ver o bitcoin como um ativo em vez de uma moeda também torna a vida mais fácil do ponto de vista da regulação. “Todas essas regulamentações... são na verdade regulamentações que restringem o uso de um ativo digital como moeda em vez de propriedade”, disse Saylor, acrescentando que, se você reconhecer isso, é fácil ver que o futuro da indústria é “bastante brilhante”.

Saylor também abordou as atuais questões de inflação dos Estados Unidos, dizendo que o bitcoin forneceria a melhor proteção contra a inflação.

“Haverá volatilidade, mas me parece que agora temos o reconhecimento universal de que o mundo precisa de proteção contra a inflação”, disse ele. “Então, se você tem bitcoin, não venda.”

Texto traduzido por Mariana Maria Silva e republicado com autorização da Coindesk

Siga o Future of Money nas redes sociais: Instagram | Twitter | YouTube | Telegram | Tik Tok

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também