Queridinha de Wall Street, Cathie Wood vê futuro otimista para criptos e diz que queda é positiva

Fundadora da ARK Invest e nome conhecido do mercado de ações diz que queda no mercado cripto pode ser positiva e ainda ensinar algo ao mercado tradicional
 (Alex Flynn/Bloomberg/Getty Images)
(Alex Flynn/Bloomberg/Getty Images)
G
Gabriel RubinsteinnPublicado em 03/07/2022 às 15:30.

Em meio a uma enorme queda no mercado em 2022, e críticas ferozes de famosos como Bill Gates e Michael Burry, para citar apenas dois, ainda há vários grandes nomes de Wall Street que acreditam nas criptomoedas. Cathie Wood, fundadora da ARK Invest e apontada como a "melhor selecionadora de ações" pela Bloomberg em 2020, é uma dessas pessoas.

No podcast "In The Know", da própria ARK, Wood afirmou que o mercado cripto está em posição melhor agora do que há algumas semanas, citando a volatilidade relativamente baixa dos últimos dias em comparação às quedas intensas e rápidas no início de maio e de junho.

“Estou me sentindo muito melhor com o que está acontecendo no mundo das criptomoedas agora. Você verá nosso Bitcoin Monthly [relatório mensal da ARK sobre o setor], eu diria que somos neutros a positivos. Estamos esperando por mais alguns sinais de capitulação e, claro, o tempo dirá do lado sistêmico aqui. Não ouvimos falar de outro sinal de estresse nos últimos dias, então isso também é bom”, afirmou.

(Mynt/Divulgação)

Cathie Wood também falou que a atual queda do mercado cripto tem um lado positivo, por garantir as perspectivas de longo prazo do setor, e que a transpar~encia do mercado cripto pode ter impacto significativo na indústria financeira tradicional.

"O que aconteceu no mercado de criptomoedas dá uma ideia de porque vai funcionar no longo prazo. É transparente e há muito mais confiança no ecossistema de criptomoedas por causa da transparência e da supercolateralização do que acho que há nos mercados financeiros tradicionais, e quando nos perguntamos por que os CDSes (swaps de default de crédito) estão subindo nesses bancos. Nós nos perguntamos sobre o alcance do rendimento e quão alavancadas são algumas dessas situações, e não sabemos onde elas estão se escondendo, então talvez seja tudo isso", disse.

"É como, ok, o mercado de criptomoedas nos alertou que esse alcance de rendimento foi longe demais e há muitos excessos, muita alavancagem em torno disso, fundos de hedge alavancando 10 para um quando os rendimentos são de 2% para que eles possam atingir seus objetivos de retorno. Talvez haja alguns problemas por aí, e vamos descobrir”, completou a especialista.

Cathie Wood, que ficou famosa por acerta a alta da Tesla, quando ganhou apelidos como "Rainha dos Investimentos" e "Mamãe Cathie", é uma conhecida entusiasta do bitcoin. No início do ano, chegou a fazer uma previsão de que a maior criptomoeda do mundo poderá valer US$ 1 milhão em 2030. No momento, o bitcoin é cotado a US$ 19.250, com queda de 0,2% nas últimas 24 horas.

Siga o Future of Money nas redes sociais: Instagram | Twitter | YouTube | Telegram | Tik Tok