Future of Money

Carteira de criptomoedas Ledger anuncia parceria com PayPal para compra de ativos

Proprietários de carteira física de criptoativos poderão usar sistema da empresa para adquirir bitcoin e ether

Ledger fornece carteiras físicas para armazenamento de criptoativos (Reprodução/Reprodução)

Ledger fornece carteiras físicas para armazenamento de criptoativos (Reprodução/Reprodução)

Da Redação
Da Redação

Redação Exame

Publicado em 16 de agosto de 2023 às 17h55.

Última atualização em 16 de agosto de 2023 às 18h07.

A Ledger, uma empresa que fornece carteiras físicas para o armazenamento de criptomoedas, anunciou nesta quarta-feira, 16, uma parceria com o gigante de pagamentos PayPal que vai permitir que os proprietários de carteiras comprem bitcoin e ether usando moedas fiduciárias, como o dólar, a partir de suas contas no PayPal.

De acordo com a Ledger, a parceria envolve a compra de bitcoin e ether diretamente pelo aplicativo Ledger Live partindo da conexão com uma conta no PayPal, sem "verificações extras". O objetivo da empresa é facilitar a realização de transações pelo aplicativo.

"Estamos combinando a segurança intransigente da Ledger com a liderança do PayPal em tecnologia de pagamentos protegidos para ajudar a desenvolver uma plataforma perfeita para transações envolvendo criptoativos do usuário", explicou Pascal Gaithier, CEO da Ledger.

Além disso, a parceria busca "simplificar o mundo cripto", facilitando a aquisição de criptomoedas. No momento, o Ledger Live permite a aquisição de quatro criptos nos Estados Unidos: bitcoin, ether, bitcoin cash e litecoin. Ainda não há informações sobre a inclusão de outros ativos.

PayPal no mundo das criptomoedas

A parceria com a Ledger representa mais um passo do PayPal no mundo das criptomoedas, em um movimento que foi intensificado nas últimas semanas. No dia 7 de agosto, o gigante de pagamentos anunciou que vai lançar sua stablecoin própria pareada ao dólar, o PayPal USD.

Desenvolvido em parceria com a empresa de infraestrutura blockchain Paxos, a stablecoin terá sua paridade com o dólar garantida por meio de depósitos de dólares, títulos de curto prazo do Tesouro dos Estados Unidos e equivalentes de caixa semelhantes.

Além disso, nesta semana, o PayPal anunciou o lançamento de uma plataforma própria para negociação de ativos digitais. O "Cryptocurrencies Hub" vai permitir a compra e vendas de ativos como o PayPal USD e o bitcoin diretamente por meio da conta dos usuários na empresa.

yt thumbnail

Siga o Future of Money nas redes sociais: Instagram | Twitter | YouTube Telegram | Tik Tok

Acompanhe tudo sobre:CriptoativosCriptomoedasPayPal

Mais de Future of Money

ETF de Ethereum: o que é, como investir e quais os efeitos no preço da criptomoeda

Americano que se mudou para El Salvador para ser 1º cidadão da 'Cidade Bitcoin' deixa o país

JPMorgan: altas do bitcoin no curto prazo provavelmente serão temporárias

Bitcoin e Ethereum sobem após estreia de ETFs nos EUA, com inflação e juros no radar

Mais na Exame