Future of Money

Euro digital pode evitar problemas de serviços de pagamento, diz membro do conselho do BCE

Os serviços de pagamento privados podem criar um monopólio que não será benéfico para outros participantes do mercado ou para a estabilidade econômica, disse Fabio Panetta, membro do conselho do BCE

A digital map of the earth and huge network. (City Lights 2012 - Flat map -https://images.nasa.gov/details-GSFC_20171208_Archive_e001589 - Softwar:3dsMax, Adobe After Effects, and Photoshop) (Getty Images/Reprodução)

A digital map of the earth and huge network. (City Lights 2012 - Flat map -https://images.nasa.gov/details-GSFC_20171208_Archive_e001589 - Softwar:3dsMax, Adobe After Effects, and Photoshop) (Getty Images/Reprodução)

Cointelegraph
Cointelegraph

Agência de notícias

Publicado em 5 de setembro de 2023 às 11h05.

O Banco Central Europeu (BCE) está bastante satisfeito com as propostas da Comissão Europeia para o euro digital. O membro da diretoria executiva do BCE, Fabio Panetta, disse à Comissão de Assuntos Econômicos e Monetários do Parlamento Europeu, em um discurso em 4 de setembro, que as propostas "colocam a Europa na vanguarda das economias avançadas" no desenvolvimento de uma moeda digital de banco central (CBDC), potencialmente evitando a participação de entidades da iniciativa privada do setor financeiro e os males que isso implicaria.

  • Economia digital e você ainda não investe em criptoativos? Conheça a Mynt, uma plataforma crypto brasileira e com a melhor seleção de ativos disponível para você explorar novas formas de investir sem medo. Abra agora sua conta gratuitamente.   

A Comissão Europeia (CE) tornou públicas as suas propostas em 28 de junho. Panetta, um crítico contumaz das criptomoedas, chamou as propostas da CE para o CBDC do euro de "um novo paradigma para preservar a soberania monetária", garantindo que os europeus sempre terão acesso a uma opção de pagamento pública, seja em dinheiro ou digital, mesmo que "soluções de ciclo fechado estejam se tornando cada vez mais predominantes" em serviços de pagamento privados.

Panetta comparou os sistemas de pagamento privados às mensagens privadas, que fazem com que os usuários sejam pressionados a aderir aos sistemas mais populares.

"Um euro digital seria uma nova forma de dinheiro emitido pelo banco central, afirma Fabio Panetta, membro da Diretoria Executiva. Cabe agora aos legisladores garantir que ele replique as principais características do dinheiro na esfera digital, especialmente a privacidade", publicou a conta oficial do BCE no Twitter.

A CE propôs dar ao euro digital o status de moeda legal, tornando obrigatória sua aceitação como meio de pagamento. Panetta também elogiou as propostas de privacidade da CE para o euro digital. Ele especificou:

"O Eurosistema não poderia ter acesso aos detalhes pessoais dos usuários do euro digital ou conectar qualquer informação de pagamento a indivíduos particulares. Os intermediários veriam apenas as informações do usuário necessárias para a integração e o cumprimento da regulamentação existente."

"Além disso, a possibilidade de realização de pagamentos off-line proporcionaria privacidade semelhante à do dinheiro, sem que nem o intermediário nem o banco central processem o pagamento", disse Panetta.

As propostas também incluíam políticas de preços razoáveis e a permissão para que o BCE mantivesse o equilíbrio nos sistemas financeiros com ferramentas como limites de retenção. Panetta disse:

"Gostaria de enfatizar, mais uma vez, que a emissão de um euro digital representa uma oportunidade, e não um risco, para o setor financeiro europeu."

A alternativa à introdução de uma CBDC não é manter o status quo. Pelo contrário, significaria perder terreno para novas soluções privadas que poderiam impactar a economia de forma negativa, disse Panetta. Ele apontou a stablecoin PayPal USD, recentemente lançada pelo PayPal, como um exemplo de risco potencial.

Os provedores de serviços de pagamento privados buscam ganhar participação no mercado e não têm motivação para restringir sua gama de serviços ou torná-los compatíveis com outros serviços. Assim, um serviço privado poderia monopolizar o mercado, como já aconteceu anteriormente, explicou Panetta.

Em contrapartida, o euro digital "daria a devida atenção aos ajustes ordenados do setor financeiro e, ao mesmo tempo, ofereceria aos provedores de serviços de pagamento uma plataforma para inovações com alcance pan-europeu", disse ele.

Economia digital e você ainda não investe em criptoativos? Conheça a Mynt, uma plataforma crypto brasileira e com a melhor seleção de ativos disponível para você explorar novas formas de investir sem medo. Abra agora sua conta gratuitamente.   

Siga o Future of Money nas redes sociais: Instagram | Twitter | YouTube Telegram | Tik Tok

Acompanhe tudo sobre:EuroBlockchainCriptoativos

Mais de Future of Money

Stablecoins representam o maior volume de lavagem de dinheiro com criptoativos, aponta pesquisa

NFTs de Donald Trump disparam após ex-presidente sobreviver a ataque nos EUA

CEO da BlackRock reconhece erro sobre bitcoin e vê ativo como "ouro digital"

"Fator Trump" cria volatilidade, mas pode fazer bitcoin disparar, diz gestora

Mais na Exame