‘É o momento de construir’, diz especialista sobre cenário desafiador do mercado de NFTs

Especialistas debatem oportunidades no mercado de NFTs em evento focado na nova fase da internet
NFTs podem colaborar na criação de comunidades para marcas e projetos (Getty Images/Reprodução)
NFTs podem colaborar na criação de comunidades para marcas e projetos (Getty Images/Reprodução)
M
Mariana Maria SilvaPublicado em 19/11/2022 às 10:00.

Graças à chegada do “inverno cripto”, o burburinho sobre os tokens não fungíveis (NFTs) diminuiu consideravelmente em 2022. Depois de terem se tornado uma verdadeira febre em 2021, com valorização surpreendente, conquistando uma série de celebridades, os NFTs enfrentam uma onda de desinteresse.

A maioria das coleções de NFTs que se tornaram famosas em 2021 apresenta queda significativa na cotação de seus ativos, gerando prejuízo a muitos investidores, incluindo celebridades.

Entre os investidores que “perderam dinheiro” após comprar um NFT está o cantor Justin Bieber. Dados sobre a desvalorização dos NFTs da Bored Ape Yacht Club, coleção da qual pertence o token não fungível do cantor, demonstram que a perda pode chegar a 84% do valor investido. Bieber pagou US$ 1,3 milhão no token não fungível que agora é avaliado em US$ 69 mil.

(Mynt/Divulgação)

No entanto, especialistas do setor enxergam o momento como propício para aqueles que querem construir bons projetos na área e colher os frutos no futuro. Durante um painel no evento Crypto House of Commons (CHOC), Caio Barbosa, da LUMX Studios, Tiago Morelli, da Enablers DAO, Bianca Brito, da Beta 101 e Cintia Ferreira, da Project EVE, debateram as oportunidades dos NFTs na última sexta-feira, 18.

“É o momento de construir. Todo mundo sabe que estamos em um momento desafiador na Web3, mas acho que vamos colher frutos nos próximos anos, porque somos pioneiros”, afirmou Cintia, responsável por uma famosa coleção de NFTs brasileira liderada por mulheres, a Project EVE.

De acordo com Caio Barbosa, da LUMX Studios, a comunidade tem um grande peso na manutenção do sucesso de uma coleção de NFTs. A LUMX Studios, startup onde Caio é co-CEO, foi responsável pelos NFTs da Reserva, um grande exemplo de sucesso quando o assunto é a construção de comunidade.

“Os NFTs trazem um novo olhar para a fidelidade que a gente já tem com muitas marcas. Eles vão ajudar a desenvolver essas comunidades e fazer com que essas comunidades ganhem”, explicou Bianca Brito, fundadora da Beta 101, empresa focada em criar marcas e comunidades na Web3.

O Crypto House of Commons ocorre nos dias 18 e 19 de novembro de forma totalmente online e gratuita, organizado pela NürnbergMesse Brasil.

A NürnbergMesse Brasil é uma das empresas que integra o Grupo NürnbergMesse, uma das 20 maiores empresas de exposições do mundo que se destaca entre as dez melhores na Europa.

Comece seu portfólio de criptomoedas. A Mynt é uma empresa BTG Pactual para você comprar e vender crypto com segurança e atendimento 24 horas. Abra agora sua conta e desbloqueie seu mundo crypto.

Siga o Future of Money nas redes sociais: Instagram | Twitter | YouTube | Telegram | Tik Tok

Veja Também

Felippe Percigo: Descubra como lucrar com seus NFTs e criptos parados
Future of Money
Há 21 horas • 8 min de leitura

Felippe Percigo: Descubra como lucrar com seus NFTs e criptos parados

Copa do Mundo potencializa golpes com criptomoedas e NFTs, aponta estudo
Future of Money
Há 23 horas • 4 min de leitura

Copa do Mundo potencializa golpes com criptomoedas e NFTs, aponta estudo