Maior corretora cripto dos EUA, Coinbase anuncia abertura de capital

Uma das principais exchanges do mundo, Coinbase não fará IPO, mas listagem direta de ações; é a primeira empresa do mercado cripto a abrir o capital

Pouco mais de um mês depois de enviar documentos para dar início ao processo de abertura de capital, a Coinbase divulgou detalhes sobre a operação nesta quinta-feira, 28. Em comunicado, a empresa afirma que não fará um IPO, mas sim uma listagem direta.

A listagem direta, em inglês chamada direct listing, é quando uma empresa lança suas ações diretamente na bolsa de valores, sem contratar intermediários como bancos, que geralmente são usados em IPOs (oferta inicial de ações) para subscrever a transação.

No breve comunicado divulgado nesta quinta, a Coinbase afirma que irá enviar os documentos e dar início ao processo junto à SEC, regulador dos Estados Unidos para valores mobiliários, e se tornar a primeira empresa de criptoativos com ações à venda no mercado tradicional.

Em 17 de dezembro de 2020, a empresa já tinha anunciado o plano de enviar a documentação. Na época, a empresa tinha um rascunho do projeto final, divulgado agora e que deve ser levado adiante. Ainda não há data prevista para o início das negociações dos papéis da Coinbase.

A Coinbase tem feito uma série de movimentos agressivos no mercado, como sua expansão para o Canadá e aquisição de outras empresas. A exchange tem mais de 35 milhões de usuários e é uma das maiores e mais conhecidas corretoras de criptoativos do mundo.

No curso "Decifrando as Criptomoedas" da EXAME Academy, Nicholas Sacchi, head de criptoativos da EXAME, mergulha no universo de criptoativos, com o objetivo de desmistificar e trazer clareza sobre o funcionamento. O especialista usa como exemplo o jogo Monopoly para mostrar quem são as empresas que estão atentas a essa tecnologia, além de ensinar como comprar criptoativos. Confira.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.