Pesquisa: executivos acreditam que criptomoedas podem substituir dinheiro

Cibersegurança, regulação e privacidade são vistos como os maiores obstáculos para a adoção global dos ativos digitais, de acordo com pesquisa da Deloitte
Pesquisa com 1.280 executivos mostra que grande maioria acredita em criptomoedas como alternativa ao dinheiro no futuro (Jack Taylor/Getty Images)
Pesquisa com 1.280 executivos mostra que grande maioria acredita em criptomoedas como alternativa ao dinheiro no futuro (Jack Taylor/Getty Images)
Por CoindeskPublicado em 24/08/2021 10:24 | Última atualização em 24/08/2021 10:27Tempo de Leitura: 2 min de leitura

Mais de três quartos – ou exatos 76% - dos executivos ao redor do mundo acreditam que as criptomoedas serão uma “forte alternativa, ou substituto” para o dinheiro fiduciário nos próximos cinco ou 10 anos. É isso que indica a pesquisa 2021 Global Blockchain Survey, realizada pela Deloitte.

O estudo também mostra que 78% dos respondentes acreditam que os ativos digitais serão importantes para suas áreas de atuação nos próximos 24 meses.

A pesquisa consultou 1.280 executivos e outros profissionais, e foi conduzida entre 24 de março e 10 de abril. Um terço dos respondentes trabalham nos EUA, e o restante se divide entre Brasil, China, Alemanha, Reino Unido, Hong Kong, Japão, Cingapura, África do Sul e Emirados Árabes Unidos.

A maioria dos participantes identificou que as principais barreiras para a adoção dos criptoativos são cibersegurança, regulação e estrutura econômica, diz a pesquisa. A segurança de dados e a regulação de privacidade deveriam mudar para permitir a adoção ao blockchain, afirmaram 68% dos respondentes.

Os respondentes que já haviam implementado o blockchain e/ou os ativos digitais em suas atividades centrais, os chamados “pioneiros”, também identificaram privacidade, regulação e cibersegurança como principais barreiras para a aceitação da tecnologia.

Entre eles, 70% afirmaram que o maior impacto dos ativos digitais será no acesso a fontes de financiamento. A segunda resposta mais comum foi “compliance e transparência”. A proteção contra a coleta de dados por grandes empresas privadas foi o potencial benefício das moedas digitais emitidas por bancos centrais (CBDCs) mais identificado entre as respostas.

Texto traduzido e republicado com autorização da Coindesk

Siga o Future of Money nas redes: Instagram | Twitter | YouTube