Crescimento do mercado de NFTs não afeta preço do Ethereum, mostram dados

Teoria de que as vendas de NFTs estariam afundando o valor do ether tem embasamento, mas dados mostram que é muito pouco significativa

Nem todo mundo está feliz com o rápido crescimento dos tokens infungíveis (NFTs), especialmente algumas pessoas que já estão há algum tempo no mercado de criptoativos. Mesmo em um momento com sentimento geral de pessimismo com o mercado como dos últimos meses, os NFTs tiveram destaque, mas sua importância em relação ao preço do ether, criptomoeda do blockchain Ethereum, onde a maioria desses tokens circula, não é significativa, mostram dados.

Mesmo assim, críticos da nova forma de se comercializar artigos exclusivos foram ao Twitter culpar os "novatos" do mercado cripto pela queda do ether nas últimas semanas, alegando que estes, ao vender a segunda maior criptomoeda do mundo por valor de mercado imediatamente após as vendas de seus NFTs, causam efeito negativo no preço do ativo digital.

No entanto, de acordo com diversos analistas e participantes do mercado, o impacto das vendas de NFTs, se realmente existe, ainda é insignificante ao preço do ether. Na verdade, as reclamações demonstram as frustrações de muitos negociantes e investidores em um mercado apático, que começou a se recuperar após seguidas quedas apenas na última quarta-feira, 21.

A especulação “é mais como um reflexo do sentimento atual do mercado”, disse Daniel Lv, co-fundador da blockchain chinesa Nervos Network.

As acusações, entretanto, não são completamente irracionais, considerando que o mercado de NFTs não obteve desaceleração, em partes por conta do notável apoio que recebeu de celebridades que até então não tinham destaque na comunidade cripto. Como os NFTs são negociados quase sempre em ether, muitos vendedores de tokens não-fungíveis se desfazem da criptomoeda assim que finalizam a negociação, aumentando as vendas do ativo e, consequentemente, empurrando seu preço para baixo.

Depoimentos de artistas legitimaram a linha de pensamento dessa parcela da comunidade, como quando Mike Winkelmann, mais conhecido como Beeple, alegou à revista The New Yorker ter convertido em dinheiro fiduciário os 53 milhões de dólares em ether que recebeu - já descontadas taxas e comissões - pela venda recorde de um NFT na plataforma Christie’s, por quase 70 milhões de dólares. O ato teria sido considerado uma “traição” pelos entusiastas do criptoativo.

“Eu não sou nem um pouco purista quando o assunto é cripto”, disse, na entrevista à publicação novaiorquina. “Estava fazendo arte digital muito antes dessa loucura, e se toda essa questão de NFTs desaparecesse amanhã, eu ainda estaria fazendo arte digital”.

Dados compilados pela CoinDesk Research também mostram que o fluxo mensal de ether para corretoras descentralizadas foi de um lugar à outro com o volume mensal de negociações de NFTs. Um grande fluxo de entrada de ether e outras criptomoedas nas corretoras coloca certa pressão em seus preços, já que mais tokens estão disponíveis para venda.

 (CoinDesk Research/Divulgação)

Enquanto tudo isso está acontecendo no mercado de NFTs, o ether, que é a moeda principal para pagamento em tais negociações, está aproximadamente 50% abaixo de seu pico mais alto, de 4 mil dólares, e apenas um pouco a mais que há dois meses, quando também tinha dificuldades em subir acima dos atuais 2 mil dólares.

É válido pontuar que, mesmo quando o volume de negociações mensais de NFTs atingiu sua máxima histórica em maio, o volume negociado, de 250 milhões de dólares, era pequeno se comparado ao volume movimentado de ether, de quase 50 bilhões de dólares.

“Ainda que extremamente populares, os NFTs são apenas um componente do ecossistema Ethereum”, disse Brian Mosoff, CEO da Ether Capital.

De acordo com o CoinGecko, existem cerca de 117 milhões de unidades de ether em circulação. No momento, 23 de julho, mais de 6,3 milhões de ether estão guardados na rede ETH 2.0 e aproximadamente 9,6 milhões em finanças descentralizadas (DeFi). Somente algo próximo de 1,1 milhão de ether foi para os NFTs esse ano, até o momento, de acordo com dados compilados pelo DappRadar.

“Nós estamos longe do estágio em que os preços de ether serão impactados pelas NFTs, mesmo com vendedores novatos chegando e potencialmente vendendo seu ether”, afirmou Patrick Barile, diretor de operações no DappRadar no ínicio da quinta-feira, 22, citando que o volume de negociações de NFTs nas últimas 24 horas foi de apenas 0,1% do ether disponível.

Dito isso, o ether, ao lado de outras criptomoedas alternativas (altcoins), continua altamente correlacionado ao bitcoin, a criptomoeda líder em valor de mercado, desconsiderando algumas diferenças. Quando o bitcoin cai, as outras seguem o mesmo padrão.

 (CoinDesk/Divulgação)

“O que estamos vendo (na correção do ether) é ainda uma reestruturação do dinheiro novo que entrou nos últimos seis meses”, disse Mosoff. “Os recém-chegados extremamente zelosos estão sendo testados em suas convicções de que a classe de ativos está aqui para ficar”.

Texto traduzido e republicado com autorização da Coindesk

 

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também