Bilionário do Shark Tank critica Cardano e sua criptomoeda ADA: "Nenhum impacto até agora"

Mark Cuban diz que Cardano ainda não provocou impacto prometido e cutuca fundador: "Se estivesse no Shark Tank, eu perguntaria onde estão suas receitas"
Apesar de detratores como Mark Cuban, Cardano também tem um grande comunidade de apoiadores (Aleksandra Malysheva/Getty Images)
Apesar de detratores como Mark Cuban, Cardano também tem um grande comunidade de apoiadores (Aleksandra Malysheva/Getty Images)
D
Da Redação

Publicado em 08/08/2022 às 19:14.

Última atualização em 08/08/2022 às 19:38.

Mark Cuban ficou famoso como um dos integrantes do programa Shark Tank, nos Estados Unidos, e foi justamente com uma referência ao reality show que o bilionário começou suas críticas à rede Cardano (e sua criptomoeda ADA) em uma entrevista recente: "Se Charles Hoskinson [fundador da Cardano] estivesse no Shark Tank, eu perguntaria onde estão suas receitas", brincou.

(Mynt/Divulgação)

O blockchain Cardano é um dos mais conhecidos do mundo, com a sua criptomoeda nativa ADA figurando entre as dez maiores do mundo por valor de mercado já há algum tempo. No entanto, também é alvo frequente de críticas, especialmente pelo baixo nível de atividade da rede e por supostamente ter uma adoção mais lenta do que redes "concorrentes", como Solana e Avalanche.

"Não vejo onde a Cardano teve muito impacto. Eles lançaram seus contratos inteligentes há um ano e esse seria seu ponto de inflexão. Mas não vi isso acontecer", comentou. "Mas isso não significa [que não possa ser bem-sucedida]. Se a próxima grande aplicação, que todo mundo vai querer usar, estiver na Cardano e você tiver que comprar ADA, que bom, ótimo. As portas estão abertas para que isso aconteça. Mas ainda não aconteceu".

O fato de a criptomoeda ADA ser atualmente a sétima maior do mundo por valor de mercado, com mais de US$ 18 bilhões de market cap, também não empolga o megainvestidor. "A Dogecoin também tem um market cap gigantesco. A Shiba Inu também. Eu inclusive acho que a Dogecoin tem potencialmente mais aplicações disponíveis do que a Cardano", afirmou. "São negócios. Não importa o que você diga, não importa como você se posicione, não importa o seu market cap. Tem de haver algo lá".

Apesar do número razoável de detratores, como o próprio Mark Cuban, a Cardano tem uma base ainda forte de entusiastas, incluindo nomes conhecidos do mercado cripto e até celebridades. Uma das características que diferenciam o projeto de outros com o mesmo propósito é o seu embasamento científico: desde sua concepção, a Cardano se apoia em estudos e análises acadêmicas, de universidades renomadas que participam direta ou indiretamente do projeto.

Já Mark Cuban, que se tornou um grande entusiasta do mercado cripto, tem uma das maiores coleções de NFTs do mundo e investe boa parte de seu portfólio em ativos digitais. Em abril, ele chegou a divulgar a sua carteira — sem Cardano, mas com uma série de ativos cuja performance nos últimos meses ficou bem atrás do token ADA.

Siga o Future of Money nas redes sociais: Instagram | Twitter | YouTube | Telegram | Tik Tok