Após 10 anos, bitcoins mais antigos do mundo deixam carteira e são movimentados por investidor

Mais de 500 unidades de bitcoin são movimentadas por investidor após 10 anos; mesmo com queda, valorização no período é expressiva
O bitcoin é cotado na faixa de US$ 20 mil atualmente (Getty/Getty Images)
O bitcoin é cotado na faixa de US$ 20 mil atualmente (Getty/Getty Images)
C
Cointelegraph BrasilPublicado em 28/09/2022 às 10:44.

O bitcoin está vendo algumas de suas moedas mais antigas voltarem à vida depois de uma década adormecida.

Os dados on-chain mais recentes revelam que os preços baixos de dois anos do bitcoin despertaram a parte mais antiga da oferta.

Bitcoin "muito antigo" volta à vida

À medida que o par BTC/USD retorna a níveis não vistos desde o quarto trimestre de 2020, surgem dúvidas sobre como os detentores de longo prazo responderão.

O quadro on-chain é misto - a oferta inativa está envelhecendo, mas alguns veteranos estão mostrando sinais de querer vender a preços atuais.

A última peça do quebra-cabeça vem na forma do bitcoin retornar à circulação depois de permanecer na mesma carteira por pelo menos dez anos.

Fora do menu desde 2012 – ou mesmo antes – um total de 510,65 BTC movido novamente pela primeira vez na semana passada.

(Mynt/Divulgação)

Pouco se sabe sobre a origem das moedas e o motivo por trás delas voltarem à vida. Os movimentos foram observados por Philip Swift, criador do recurso de análise on-chain LookIntoBitcoin.

“Vimos o movimento de algumas moedas MUITO antigas na semana passada. Moedas que não se moviam na cadeia há mais de 10 anos”, comentou ele nas redes sociais em 27 de setembro.

Bitcoin inativo por 10 anos atinge recorde

Ao mesmo tempo, dados separados da empresa de análise on-chain Glassnode confirmaram que mais do fornecimento de BTC está inativo há uma década ou mais do que nunca.

Em 27 de setembro, um total de 2.521.378.890 BTC permaneceu fora de circulação por um mínimo de 10 anos - um novo recorde histórico.

O Cointelegraph tem monitorado de perto os movimentos de moedas antigas à medida que o último mercado de baixa do bitcoin se consolida.

O final de agosto, por exemplo, foi marcado por 10.000 BTC se movendo repentinamente on-chain, deixando sua carteira pela primeira vez desde 2013. Na época, as preocupações até vincularam o estoque à extinta exchange Mt. Gox, uma teoria posteriormente desconsiderada.

De acordo com o LookIntoBitcoin, enquanto isso, as mínimas de junho do bitcoin viram uma tranche maior para moedas de mais de 10 anos se movendo em um único dia, com 477,80 BTC registrados em 14 de junho.

Siga o Future of Money nas redes sociais: Instagram | Twitter | YouTube | Telegram | Tik Tok