A página inicial está de cara nova Experimentar close button

Demanda da China por grãos dos EUA é alívio para investidores apreensivos

As vendas de soja foram as maiores desde janeiro na semana encerrada em 12 de agosto, com compras da China acima de 1,1 milhão de toneladas

Por Elizabeth Elkin, da Bloomberg

O forte apetite da China por produtos agrícolas dos Estados Unidos pode ser uma das poucas áreas de conforto para investidores inquietos com os mercados de commodities atingidos por novas ondas de covid-19 e pelo dólar mais forte.

As vendas de soja foram as maiores desde janeiro na semana encerrada em 12 de agosto, com compras da China acima de 1,1 milhão de toneladas e vendas totais de cerca de 2,2 milhões de toneladas. As exportações de trigo dos EUA para a China foram as maiores desde abril, de 197.400 toneladas. A China também aumentou as compras de algodão para a máxima de oito meses.

Os mercados de grãos mostram perdas generalizadas, reagindo a um dólar mais forte, bem como a melhores previsões do tempo e boas perspectivas para a produtividade do milho e da soja em vários estados importantes. Mas, no início da semana, os futuros do algodão saltaram para o maior nível em sete anos com apostas de que a China continuaria a sustentar a forte demanda. Os contratos reduziram os ganhos.

Os EUA esperavam que a China aumentasse as compras, mas essas vendas são significativas, disse Jack Scoville, vice-presidente da Price Futures Group em Chicago, em entrevista por telefone.

Assine a EXAME e acesse as notícias mais importantes em tempo real.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também