Música na quarentena: Pearl Jam lança novo disco; Bob Dylan, nova música

Grupo de rock americano lança primeiro disco inédito em sete anos; Dylan pega fãs de surpresa com nova canção

A sexta-feira (27) será boa para os amantes da música durante a quarentena do coronavírus. A banda de rock americana Pearl Jam e o músico americano Bob Dylan lançaram material inédito, que já está disponível no Spotify e no Youtube.

A banda ícone do grunge de Seattle, liderada por Eddie Vedder, lançou “Gigaton”, o 11º álbum de estúdio da carreira, com doze músicas inéditas. Algumas já tinham sido lançadas como singles e clipes nas últimas semanas, como “Dance of the Clairvoyants” e “Quick Escape”.

A banda planejara uma turnê norte-americana para divulgar o primeiro álbum desde “Lightning Bolt” de 2013, mas cancelou os planos diante da pandemia do coronavírus – que, nos EUA, bateu recorde de casos, superando a China.

Capa de Gigaton: novo álbum de Pearl Jam Capa de Gigaton: novo álbum de Pearl Jam

Capa de Gigaton: novo álbum de Pearl Jam (Pearl Jam/Divulgação)

Nova música de Bob Dylan

Já a lenda Bob Dylan, prêmio Nobel da Literatura, aproveitou a quarentena para lançar uma nova música que, segundo ele, já estava gravada há algum tempo. A novidade pegou os fãs de surpresa. O último disco de estúdio do artista era de 2012.

“Murder Most Foul” é longa: 17 minutos. Assim, é oficialmente a canção mais longa da carreira de Dylan. O recorde anterior era de “Highlands” (1997), com 16 minutos e 31 segundos.

“Saudações a meus fãs e seguidores com gratidão por todo o apoio e lealdade ao longo dos anos. Esta é uma música não lançada que gravados há um tempo e que vocês deverão achar interessante. Fiquem seguros, se mantenham atentos e Deus esteja com vocês”, Dylan escreveu no Twitter.

A música fala do assassinato de John F. Kennedy em 1963 e traz referências à cultura dos anos 1960, como os Beatles e o festival de Woodstock.

Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.