Mansão de Rihanna está à venda por US$ 9,5 milhões

Com crise, cantora teve de vender imóvel por quase metade do preço no ano passado

São Paulo – Não foram apenas os americanos comuns que levaram um tombo financeiro com a crise financeira nos Estados Unidos. A cantora Rihanna, uma das mais bem pagas e famosas do mundo, está ai para comprovar. No ano passado, ela teve de vender sua mansão em Bervely Crest, com a alegação de que o imóvel estava danificado por infiltrações.

A mansão, comprada pela pop-star em 2009 por 6,9 milhões de dólares, teve de ser vendida por ela no ano passado para o pagamento de dívidas. Um investidor pagou a bagatela de 5,3 milhões de dólares pelo imóvel danificado por vazamentos que, depois de restaurado, foi colocado novamente à venda por um precinho bem mais salgado: 9,5 milhões de dólares, de acordo com informações do jornal americano Los Angeles Times.

Em seus 8.520 metros quadrados, a mansão conta com uma piscina imensa com vista livre para um canyon e para a cidade, além de detalhes um tanto extravagantes que evidenciam o gosto da cantora – um closet personalizado com tetos de camurça na suíte master e uma sala de home theater com um teto de 35 pés de altura são algumas carcaterísticas. O imóvel tem ainda três lareiras, um bar, uma biblioteca e sala para estudos, sete quartos e nove banheiros.

Aos 23 anos, Rihanna é uma das artistas mais bem pagas do mundo da música. Seus ganhos, de maio do ano passado a maio deste ano, foram estimados pela Forbes em 53 milhões de dólares. 

Suporte a Exame, por favor desabilite seu Adblock.