Imprensa alemã repercute Schumacher e vitória na Copa

A imprensa da Alemanha aproveitou para celebrar ao mesmo tempo a goleada da seleção em Portugal e o despertar do coma de Michael Schumacher

Berlim – Após uma segunda-feira de boas notícias para o esporte alemão, a imprensa do país aproveitou para celebrar ao mesmo tempo a goleada de 4 a 0 da seleção sobre Portugal na Copa do Mundo e o despertar do coma do heptacampeão de Formula 1 Michael Schumacher.

“Um belo dia”, classificou o jornal “Bild”, que comemorou na manchete desta terça-feira o “milagre” do piloto.

Schumacher começou a respirar sem a mesma dificuldade de antes e conseguiu se comunicar com os olhos 169 dias após o acidente de esqui sofrido nos Alpes franceses.

“Esta é a nossa Copa”, continuou a publicação, que destacou Thomas Müller, autor de três gols na goleada de ontem, na Fonte Nova.

O meia é o primeiro jogador desta edição do torneio a alcançar o feito e, por enquanto, lidera a artilharia.

O jornal também citou a visita da chanceler Angela Merkel ao vestiário e o baixo desempenho de Cristiano Ronaldo na partida.

Na maioria dos outros veículos, a vitória da seleção nacional na Copa do Mundo teve mais espaço. “Três vezes Müller”, disse o “Süddeutsche Zeitung”, em relação à espetacular estreia da equipe dirigida por Joachim Löw no Brasil.

E “Müller quer mais”, foi a manchete do “Der Spiegel”, que destacou além disso a atuação de Boateng, o encarregado de parar Cristiano Ronaldo.

Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.